domingo, 27 de janeiro de 2013

As Aparências Enganam

As Aparências Enganam
Mensagem do dia 27/01/2013 (Domingo/Noite) – Igreja Batista Central em Toledo

“Porém o SENHOR disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a sua altura, porque o rejeitei; porque o SENHOR não vê como vê o homem. O homem vê o exterior, porém o SENHOR, o coração” (1 Samuel 16.7).

INTRODUÇÃO
Já ouviram aquele ditado popular que diz assim: “Nem tudo que reluz é ouro”? Vamos ver um vídeo que preparei, prestem atenção nele! Temos por hábito, julgar as coisas, pessoas e situações pela aparência, mas “As aparências enganam”.




Vamos ao contexto do texto: Saul foi rejeitado como rei de Israel por ter se afastado do Senhor e por não ter obedecido a suas ordens na guerra contra os amalequitas (1Sm 15.1-11). Deus tinha outros planos para Israel, por isso enviou Samuel para a casa de Jessé, porque Ele já havia escolhido um dos seus filhos para ser rei de Israel (1Sm 16.1). Quando Samuel viu Eliabe pensou: “certamente este é o ungido do Senhor” (v.6). Eliabe deveria ter uma aparência impressionante para despertar a atenção de Samuel, mas não era ele o homem escolhido. Vamos ver 4 lições importantes a respeito das Aparências.

Pensamentos e Atitudes



Pensamentos e Atitudes
Mensagem do dia 27/01/2013(Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

"19 Portanto, em nome do Senhor eu digo e insisto no seguinte: não vivam mais como os gentios, pois os pensamentos deles não têm valor 18 e a mente deles está na escuridão. Eles não têm parte na vida que Deus dá porque são completamente ignorantes e teimosos" (Efésios 4.17-18) NTLH

Nós sempre ouvimos que “se conselho fosse bom, era vendido e não dado”. No entanto parece-me que o apóstolo Paulo não concordava com isso nem um pouco. A ênfase dele está na ordem: Ele afirma e insiste, não apenas sugere. Ele não dá margem para outra decisão:“... em nome do Senhor eu digo e insisto no seguinte: não vivam mais como os gentios, pois os pensamentos deles não têm valor...”. Neste caso, duas lições fundamentais e de alta seriedade precisam ser aprendidas:

Os gentios vivem de maneira errada e isso não deve ser copiado pelos filhos de Deus de forma alguma; São os pensamentos que definem a nossa maneira de viver. O pensamento gera a atitude.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Enoque - Um homem de oração - 01


Enoque - Um homem de oração - 01
Mensagem do dia 23/01/2013 (Quarta) – Igreja Batista Central em Toledo
Textos: Gênesis 5.21-24, Hebreus 11.5-6, Judas, 14-15

INTRODUÇÃO
“Enoque andou com Deus” (Gn 5.24). Curta e rica biografia. Era o filho mais velho de Caim (Gn 4.17). Seu nome significa “dedicado”. No hebraico, “andar” é  hallakah, que significa  “estar habitualmente com...”. É diferente de “caminhar”, ou “marchar”. É estar na companhia de alguém, viver com alguém. Duas vezes se fala que ele "andou com Deus" (Gn 5.22 e 24). Depois a palavra hallakah acabou significando, também “regra", "conduta”, separando aquele que "anda com Deus" e aquele que "não anda com Deus". Resumindo: Enoque era um homem dedicado que estava sempre na companhia de Deus.  

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Tolerância Mútua


Frases:

"Convivendo, cuidando, pastoreando e tentando entender as pessoas, parece-me que ficou claro que nunca pensaremos todos da mesma maneira em todas as coisas, nunca veremos senão uma parte da verdade sob ângulos diferentes, é que quando há uma divergência, um conflito ou desentendimento, podemos dizer que há pelo menos 3 lados: de um, o de outro e a verdade. Portanto, só nos resta uma coisa para mantermos a paz, a harmonia e a comunhão - A tolerância mútua". 

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

domingo, 20 de janeiro de 2013

SALMO 3 - Vitória sobre momentos difíceis


SALMO 3 - Vitória sobre momentos difíceis

Mensagem do dia 20/01/2013 (Domingo/Noite) 

Igreja Batista Central em Toledo

INTRODUÇÃO

Este era um momento difícil para Davi. Perseguido pelo filho, Absalão. Queria ser rei. A história encontra-se em 2Samuel 15-19. Na realidade, Davi chegou a ser destronado (2Sm 15.14). A perseguição do filho já doía bastante. Além disto, Davi sofreu com a deslealdade de amigos (vv. 1, 6, cf. 2Sm 15.12), havia o boato de que Deus o abandonara (v. 2), e crise no meio do povo por causa de uma guerra civil que Absalão desencadeara (v. 8 , onde ele pede pelo povo). Há QUATRO IDEIAS no salmo, vamos analisá-las:

Há bênçãos na Solidão?


Há bênçãos na solidão?
A VOZ QUE EU QUERO OUVIR
Mensagem do dia 20/01/2013 (Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

“Pois chegará o momento, e realmente, a hora é esta, quando sereis espalhados cada um para sua família. Vós me deixareis sozinho. Mas Eu não estou desamparado, pois meu Pai está comigo” (João 16.32).

Poucas coisas são tão desestruturadoras como a solidão. No filme "náufrago", um avião da Federal Express (FedEx), empresa multinacional de cargas e correspondências sofre um acidente, então o personagem principal Chuck Noland (Tom Hanks) fica preso em uma ilha completamente deserta por 4 anos. Ele precisa lutar para sobreviver, tanto fisicamente quanto emocionalmente, a fim de que um dia consiga retornar civilização. E neste tempo ele conversa consigo mesmo, até mesmo com uma bola de voley, a quem chama de "Wilson". Assista ao filme quem não assistiu e você perceberá o sofrimento e a angustia que este homem viveu naquela ilha.

domingo, 13 de janeiro de 2013

Indesculpáveis


Indesculpáveis
Mensagem do dia 13/01/2013 (Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

"19 pois o que de Deus se pode conhecer é manifesto entre eles, porque Deus lhes manifestou. 20 Pois desde a criação do mundo os atributos invisíveis de Deus, seu eterno poder e sua natureza divina, têm sido vistos claramente, sendo compreendidos por meio das coisas criadas, de forma que tais homens são indesculpáveis; 21 porque, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças, mas os seus pensamentos tornaram-se fúteis e os seus corações insensatos se obscureceram. 22 Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos" (Romanos 1.19-22).

O ser humano tem uma notável capacidade de fazer bobagem, de "pisar no tomate", "derrapar na curva", de "errar o alvo". Se fomos sinceros conosco, identificaremos inúmeras situações em que erramos e se a gente pudesse enumera-las ficaríamos assustados. Contudo nenhum erro pode ser mais danoso a uma pessoa do que negar, do que não crer ou negligenciar a obra de Deus.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Tiago - Cristãos Bem-aventurados 03


Tiago - Cristãos Bem-aventurados 03
“São aqueles que perseveram nas provações, fogem das tentações e estão ligados em Cristo”
Mensagem do dia 09/01/2013 (Quarta) 
Igreja Batista Central em Toledo

Texto: Tiago 1.12-15:

O Cristão Bem-aventurado
3. É AQUELE QUE PROCURA ESTAR LIGADO A JESUS (v.15)
“Então a cobiça, tendo concebido, dá à luz o pecado e o pecado, após ter-se consumado, gera a morte”.

O versículo 15 fala da consequência de ceder às tentações. A concupiscência é a mãe do pecado. “A cobiça, tendo concebido, dá à luz o pecado”. Tiago está seguindo a mesma linha de raciocínio de Jesus, em contraposição a teologia dos fariseus. O mal procede do interior do homem e não do exterior. O homem sente, pensa, quer, toma decisões, é um ser responsável pelos seus atos. São os maus desejos do seu interior que o levam ao pecado.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Amar como Jesus


Amar como Jesus

"Deixem-me dar a vocês um novo mandamento: amem uns aos outros. Assim como amei vocês, amem uns aos outros. Dessa maneira todos irão reconhecer que vocês são meus discípulos, quando eles virem o amor que vocês tem uns pelos outros" (João 14.34-35).

Dentre muitas coisas difíceis, amar o próximo é uma das mais complexas, a mais simples e a ação mais sublime de todas que o ser humano pode ter. Podemos encontrar inúmeros versículos que falam sobre amar. Todo cristão sabe que amar é necessário, o problema mesmo é cumprir este mandamento do Senhor. Para cumpri-lo é necessário vencer alguns obstáculos, como o orgulho, a soberba, a falta de perdão, de misericórdia e compaixão, o ciúmes, a insegurança, a melancolia, a procrastinação, o perfeccionismo, a ira, o egoísmo, o ódio, a raiva, a imaturidade e outros...

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Unidos pelo Evangelho


Unidos pelo Evangelho
Pastoral nr 021

"Faço tudo isso por causa do evangelho, para ser co-participante dele" (1 Coríntios 9.23).

   Os últimos dois meses foram especiais. Tivemos algumas programações importantes como o aniversário da Igreja, um saboroso almoço. Tivemos, o 1º Retiro da Família, a cantata de Natal, o 1º recital dos alunos de violão, culto de Natal e o de Ano Novo. Momentos para festejar, aproveitar a comunhão, desenvolver a ajuda mútua, dias de muito trabalho. De relembrar histórias. É notável o sentimento de nostalgia no sorriso e expressões das pessoas. A história da igreja se confunde com a história dos membros, cada coisa realizada, cada passo tomado, cada etapa vivida, fases boas e fases ruins, muitas dificuldades, mas também muitas vitórias, não foi a toa que vi algumas pessoas emocionadas.

domingo, 6 de janeiro de 2013

SALMO 2 - O Triunfo Final de Jesus Cristo


SALMO 2 - O Triunfo Final de Jesus Cristo

Mensagem do dia 06/01/2013 (Domingo/Noite) 
Igreja Batista Central em Toledo

Introdução

Este é um salmo Messiânico (anuncia a Cristo). O tema central é a Vitória do Messias. O salmo 1 fala dos dois caminhos: dos justos e dos injustos. E o Salmo 2 fala como Deus julga e trata os quem andam em ambos os caminhos. O caminho dos justos, “os que confiam Nele” (12c).  E o dos ímpios, "os rebeldes que tramam contra o Senhor" (1-2). A vitória do Messias (Jesus Cristo), é certa! O Salmo 2 progressivamente, dirige seu foco poético sobre 4 CENAS relacionadas ao motim da humanidade contra Deus. Vamos analisar este Salmo, "O Triunfo Final De Jesus Cristo".

Tiago - Cristãos Bem-aventurados 02



Tiago - Cristãos Bem-aventurados 02
“São aqueles que perseveram nas provações, fogem das tentações e estão ligados em Cristo”
Mensagem do dia 06/01/2013 (Domingo/Manhã) 
 Igreja Batista Central em Toledo

Texto: Tiago 1.12-15:

O Cristão Bem-aventurado
2. É AQUELE QUE SABE DE ONDE VEM A TENTAÇÃO (vv.13-14)
13 Quando alguém for tentado, jamais deverá dizer: "Estou sendo tentado por Deus". Pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. 14 Cada um, porém, é tentado pela própria cobiça, sendo por esta engodado e seduzido”.

Tiago fala em provação e tentação, v.12 "Aquele que persevera na provação". Ele se preocupa em mostrar que, se as provações trazem um benefício, o da recompensa pelo próprio Senhor, não se deve pensar que as tentações também são trazidas pelo Senhor. A culpa da tentação não pode ser atribuída a Deus. “Ele a ninguém tenta”.  Deus prova, testa, não tenta ninguém, assim como “Deus não pode ser tentado pelo mal”.  Deus não peca. O pecado é uma impossibilidade moral em Deus. A Santidade de Deus não é relativa, como é no caso do homem. Ela é absoluta, ELE É SANTO. O pecado é incompatível com Seu caráter santo. Por isso, Deus não é culpado pelas tentações humanas, mas então quem é?

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Alvo para 2013



Qual é o seu alvo para 2013?

"A vitória demanda um alvo, o homem sem alvo não vive. Para alcançarmos o alvo, precisamos de disciplina. Para termos disciplina é preciso abnegação, mas quem não é abnegado, não é disciplinado, não terá um alvo. Consequentemente, não alcançará a vitória".

Pense nisso!

No Amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Tiago - Cristãos Bem-aventurados 01



Tiago - Cristãos Bem-aventurados 01
“São aqueles que perseveram nas provações, fogem das tentações e estão ligados em Cristo”
Mensagem do dia 02/01/2013 (Quarta) – Igreja Batista Central em Toledo

Recapitulação: Tiago, não trata em sua carta, assuntos como: O Espírito Santo, Salvação, Evangelismo e nem da Volta de Cristo. Martin Lutero a chamou de “epístola de palha”. Tiago trata a conduta da vida cristã de forma bastante prática. Aborda problemas de ética, de relacionamentos e comportamentos. Fala dos sofrimentos e das tribulações como sendo um "teste", ou "prova" da fé do cristão, ensinando a paciência, perseverança e conduzirá os seus leitores à maturidade e integridade cristã. A sabedoria é ferramenta necessária para isto. Por isso o cristão deve ter sabedoria no viver.
·      1.1 - Sendo Servos - Tiago poderia dizer que era irmão de Jesus, mas se apresenta como servo.
·      1.2-4 Maduros - Tiago mostra os benefícios das provações. Todo cristão precisa amadurecer.
·      1.5-8 Sábios - Reconhecer que precisa de sabedoria é ser sábio.
·      1.9-11 - Eternos - As circunstancias terrenas são transitórias, não podemos inverter os valores.

Introdução
E aqui neste trecho da Palavra de Deus (Tiago 1.12-15), Tiago fala a respeito da origem do pecado na esfera da vida humana. Como sempre, Tiago é prático em suas palavras. Ele se preocupa em mostrar como o pecado surge na vida humana e nos conduz à prática do mal. Mas também podemos aprender que os cristãos podem ser Bem-aventurados. Portanto, quais lições aprendemos deste texto?

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Feliz 2013!


Feliz 2013!
Mensagem do dia 31/12/2012 (Segunda) - Culto de Ano Novo 
Igreja Batista Central em Toledo

"... esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo..." (Filipenses 3.13b - 14a).

Mais um ano se passou e muitas coisas o Senhor fez por nós, não é verdade? Claro que todas foram boas, pois Sua vontade é "... boa, perfeita e agradável" (Rm 12.2). Mesmo que aos nossos olhos possam parecer ruins, nós “... sabemos que todas as coisas cooperam para o nosso bem” (Rm 8.28). Deus está no controle de tudo, nada foge de suas mãos, por isso podemos ter a certeza que estamos caminhando seguros.

Fiz um exercício pessoal convido você a fazer também: Neste momento, esqueça de 2012, ele já acabou! Fixe seus olhos agora em 2013. Projete-se em 2013, visualize o que está por vir. Comece a orar e louvar a Deus por tudo que Ele tem preparado para este novo ano, até porque não sabemos, mas com toda certeza Deus tem muitas coisas boas preparadas para nós.