sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz 2011!


"... esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo..." Filipenses 3.13b - 14a

Mais um ano se passou e muitas coisas o Senhor fez por nós, não é verdade? Claro que todas foram boas, pois Sua vontade é "... boa, perfeita e agradável" (Rm 12.2). Mesmo que aos nossos olhos possam parecer ruins, nós “... sabemos que todas as coisas cooperam para o nosso bem” (Rm 8.28). Deus está no controle de tudo, nada foge de suas mãos, por isso podemos ter a certeza que estamos caminhando seguros.

Fiz um exercício pessoal convido você a fazer também: Neste momento, esqueça de 2010, ele já acabou! Fixe seus olhos agora em 2011. Projete-se em 2011, visualize o que há por vir. Comece a orar e louvar a Deus por tudo que Ele tem preparado para este novo ano, até porque não sabemos, mas com toda certeza Deus tem muitas coisas boas preparadas para nós.

Há dois motivos pelos quais Deus nos faz olhar para o passado:

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Espelhos da Graça


“Um espelho reflete a luz que incide sobre ele”.

Essa história é fantástica, moveu meu coração e quero compartilhá-la. E para melhor compreensão do contexto histórico dela, é imprescindível a leitura dos textos: 2Samuel 9.1-13; 19.27-30.

O texto narra a historia de Mefibosete, filho de Jônatas e neto do rei Saul. Além de ter praticamente toda a sua família morta pelos males que vieram sobre os descendentes de Saul, Mefibosete era deficiente físico. Aos cinco anos de idade sofreu um acidente ao cair dos braços de sua ama que fugia com ele e ficou coxo (2Sm 4.4).  Seu  nome tv,boypim. significa literalmente exterminador da vergonha”.

Mefibosete era um esquecido, alguém sem valor para a sociedade e sem utilidade, sua definição sobre si mesmo era “cão morto” (9.8). Não servia para o trabalho, não servia para a guerra. Pensem, se hoje os deficientes físicos sofrem enormes barreiras e preconceitos para se estabelecerem, naquela época era muito pior. Era um fardo para os seus e na verdade, o rei Davi poderia matá-lo, pois era costume o rei eliminar qualquer possibilidade de concorrência ao trono, (ele era neto do rei anterior, Saul, filho de Jônatas).

No entanto o rei Davi o procura. Mandou gente atrás dele. “O rei dissera: A alguém da família de Saul, para que eu use de GRAÇA (Benevolência – 9.1,3) para com ele, por amor de Jônatas?”. Davi o encontra. O Rei vai de encontro com aquele que não tinha valor para ninguém.

sábado, 11 de dezembro de 2010

O Verdadeiro Sentido do Natal 2


Eu ouço todos os anos sempre as mesmas coisas a respeito do Natal, de como deve ser visto e sobre como o mundo comemora o Natal.  Por exemplo:

ü  Ouço que o Natal hoje é muito mais uma forma das empresas ganharem dinheiro, trata-se apenas do comércio visando seus lucros;
ü  Ouço que as pessoas pensam apenas em festejar e que não conhecem o verdadeiro sentido do natal, inclusive que boa parte delas passam dos limites com as comemorações e o Natal perde o sentido;
ü  Ouço falarem de um “bom velhinho” o famoso Papai Noel, que substitui a imagem do verdadeiro personagem do Natal, porque as crianças esperam sua chegada para receber os presentes. A implicação é que Jesus Cristo passa a ser apenas um personagem “coadjuvante” do Natal, isto é, quando é lembrado!
ü  Ouço cristãos genuínos dizendo que o Natal é como uma data normal assim como todas as outras, como se não fosse uma data importante, talvez porque o foco de suas mentes sejam as razões acima citadas e há quem defenda que o natal é uma festa pagã e por isso não “comemoram”. Perdem a oportunidade de anunciarem o verdadeiro sentido do Natal.

Até aqui todas essas coisas mencionadas de certa forma, são verdadeiras. No entanto... Qual o verdadeiro sentido do NATAL?