domingo, 29 de novembro de 2009

Tolos e Insensatos

Essa semana, navegando pela internet deparei-me com uma reportagem sobre o humorista do CQC, Oscar Filho. Segundo essa reportagem, ele causou uma grande polêmica ao comentar no seu twitter (http://twitter.com/OSCARFILHO) que a crucificação de Jesus foi uma farsa e que ele foi um masoquista. Oscar, que se diz ateu, é um dos famosos brasileiros mais seguidos no twitter. Seus seguidores chegam a 259 mil pessoas. Mas depois de seu comentário, o humorista foi criticado pelos seus seguidores cristãos que prometeram deixar de segui-lo e incentivar aos outros a fazerem o mesmo.

Alguns cristãos até escreveram ao humorista, “desejo com todas minhas forças que Ele faça de sua vida uma piada tão ruim quanto essas que vc está fazendo agora!”, disse indignada Dayane Leite em seu perfil no Twitter. “Perdeu um seguidor, fazer piada com Jesus é muito desrespeito com os Cristãos! Tenha sua opinião, mas guarde para vc! Lamentável”, disse Rômulo Dias que ainda completou: “Ñ sigam o @OscarFilho ele faz piadas com Jesus. E ainda quer respeito! Lamentável atitudes como essa, se ñ acredita, respeite quem acredita!”.

Oscar Filho não chegou a pedir desculpas abertamente, pelo contrário nas mensagens seguintes ironizou as pessoas que não apoiaram o que ele publicou: “Opa, desculpem pelo último post. Ao invés de dizer “história” eu quis dizer “estória!”... “Ah, eram outras desculpas? Então lá vai: desculpa fazer piada com um cara que eu não acredito que existiu. Pra mim é folclore”... “Galera, desculpem mesmo eu ter dito que não acredito em Jesus. Agora eu acredito. Acabei de receber um power point que ele mesmo enviou”. E finalizou dizendo: “Dizem que Jesus ensinou o amor, não é o que eu estou recebendo agora. Aprenderam direitinho, né? O problema são os seguidores dele”.

Fonte: http://podscrer.blogspot.com/2009/11/oscar-filho-do-cqc-causa-polemica-no.html

Bom, primeiro de maneira nenhuma quero ridicularizar o Oscar Filho, pois ele conseguiu fazer isso sozinho, mas fiquei pensando sobre isso: O que a Palavra de Deus diz a respeito deste tipo de pessoa? E qual deve ser a atitude do cristão?

Zombar de Deus não é novo. O Oscar Filho não foi o primeiro e não será o último. Porém a palavra de Deus chama estes homens de “insensatos”, “tolos”.
Salmo 14.1 “O insensato diz no seu coração: Não há Deus”.

Não há temor no coração dos insensatos:
Salmo 36.1 “Há no coração do ímpio a voz da transgressão; não há temor de Deus diante de seus olhos”.

Eles não sabem que o temor ao Senhor é o princípio da Sabedoria:
Salmo 111.10 “O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; revelam prudência todos os que o praticam. O seu louvor permanece para sempre”.

Provérbios 1.7 “O temor do SENHOR é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino”.

O que dizer das palavras de Jesus nos textos seguintes:

Mateus 16.26 “Pois que aproveitará o homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua alma? Ou que dará o homem em troca da sua alma?”

Os insensatos e tolos inverteram os valores, eles vivem o passageiro como se fosse eterno. Buscam tesouros aqui na terra. Desviam seus corações de Deus e se julgam espertos.

Mateus 6.19-21 “19 Não acumuleis para vós outros tesouros sobre a terra, onde a traça e a ferrugem corroem e onde ladrões escavam e roubam; 20 mas ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam; 21 porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração”.

Lucas 12.20 “Louco, esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?”

O apóstolo PAULO nos dá uma orientação simples de como lidar com os que se opõem a palavra de Deus e não crêem em Deus. 2Timóteo 2.23-26 “23 E repele as questões insensatas e absurdas, pois sabes que só engendram contendas. 24 Ora, é necessário que o servo do Senhor não viva a contender, e sim deve ser brando para com todos, apto para instruir, paciente, 25 disciplinando com mansidão os que se opõem, na expectativa de que Deus lhes conceda não só o arrependimento para conhecerem plenamente a verdade, 26 mas também o retorno à sensatez, livrando-se eles dos laços do diabo, tendo sido feitos cativos por ele para cumprirem a sua vontade”.

Noutras palavras: Ame os “tolos e Insensatos”. Claro que você não deve “dar aos cães o que é santo, nem pérolas aos porcos” Mateus 7.6. A palavra de Deus é muito valiosa para ser lançada ao vento. No entanto, seja sábio e tenha discernimento se a pessoa está de fato interessada em saber sobre Deus ou se ela deseja apenas Zombar. Ore pela conversão da pessoa, para o arrependimento diante de Deus e pela mudança de vida.

Um dia fui tolo e insensato. Hoje conheço a Deus e sua maravilhosa Graça. Que um dia os tolos e insensatos deste mundo possam proclamar que Jesus Cristo é Deus e Senhor da vida deles. Amém!

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Há Esperança para Você


“7 Porque há esperança para a árvore, pois, mesmo cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus rebentos. 8 Se envelhecer na terra a sua raiz, e no chão morrer o seu tronco, 9 ao cheiro das águas brotará e dará ramos como a planta nova”. (Jó 14.7-9)


Este texto é lindo! Ele diz: “Há esperança para a árvore”. A árvore é descrita, ela está numa situação totalmente desfavorável. Mas o texto afirma: “Há esperança para a árvore”. Mesmo que ela esteja ferida, cortada, destruída, acabada, mesmo se sua raiz estiver envelhecida e próxima à morte. O texto diz: “Há esperança para a árvore”. Você pode ser esta árvore, se for lhe digo: Há esperança para você!

Talvez você esteja neste momento como a árvore descrita no texto. Cansado de lutar, enfraquecido pela dor, sem conseguir ver uma luz no final do túnel. Talvez esteja se sentindo num beco sem saída, no fim da linha, num caminho sem volta. Sem crer numa solução para os seus problemas. Talvez você tenha vivido até aqui e agora está olhando para o passado e esteja se perguntando: O que eu conquistei? Onde eu cheguei? O que eu fiz? O que realizei de importante? Onde está Deus? Será que Ele realmente me ama? Será que realmente ele tem um plano para a minha vida? Porque será que nada dá certo? Eu responderei: Há esperança para você!

Você pode dizer: É muito fácil dizer para alguém – Tenha fé, creia, confie, descanse e espere em Deus – porém estou cansado de tudo isso. Mesmo assim eu continuo afirmando: Há esperança para você! O v. 9 diz que a esperança para a árvore está ligada “ao cheiro das águas”. No Novo Testamento sabemos que existe uma Fonte de Águas Vivas. Lembro-me de Jesus conversando com a mulher samaritana, esta passagem está registrada em João 4.13-14:

“13 Afirmou-lhe Jesus: Quem beber desta água tornará a ter sede; 14 aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna”.

Jesus é a Fonte, Ele dá a vida eterna. Ele restaura qualquer vida, seja lá qual for, seja quem for, pois não faz acepção de pessoas e nada é impossível para Deus. Jesus revigora as forças. Ele faz novas todas as coisas. Ela dá esperança. Ele Cria caminhos onde parece não haver e mostra soluções onde parece não ter.

“4 E lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas passaram. 5 E aquele que está assentado no trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E acrescentou: Escreve, porque estas palavras são fiéis e verdadeiras. 6 Disse-me ainda: Tudo está feito. Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. Eu, a quem tem sede, darei de graça da fonte da água da vida. 7 O vencedor herdará estas coisas, e eu lhe serei Deus, e ele me será filho”. (Apocalipse 21.4-7)

O que você está vivendo? Eu não sei! No entanto: “Ao cheiro das águas brotará e dará ramos como a planta nova”. Há esperança para você! Faço de Isaías 40.28-31 a minha oração:

“28 Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa, nem se fatiga? Não se pode esquadrinhar o seu entendimento. 29 Faz forte ao cansado e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. 30 Os jovens se cansam e se fatigam, e os moços de exaustos caem, 31 mas os que esperam no SENHOR renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam”.

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Tudo para o bem


“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito". (Romanos 8.28)

 


Normalmente utilizamos este texto quando alguém está passando por alguma dificuldade e não entende o porquê das coisas, na tentativa de fortalecê-la, alegrá-la, motivá-la. Dizemos: “Ei... creia... Saiba que Todas as coisas Cooperam para o nosso bem”. A grande questão é que para enxergarmos as verdades deste texto, é preciso olhar com um olhar diferente para as provações, olhar para as dificuldades com um prisma de Deus, porém nem sempre isso é possível devido a limitada visão humana das coisas divinas. No entanto, vamos refletir e extrair deste tema lições para nossas vidas.

Quero enfatizar a palavra “cooperam”. No grego, língua na qual foi escrita o Novo Testamento, a palavra é synergei. É desta palavra que se originou sinergia, muito utilizada por administradores e empreendedores, principalmente por palestrantes motivacionais, ela é formada de duas palavras sýn, juntamente com érgon, trabalho. Tem o sentido bastante apropriado para o que quero dizer, significa – cooperar, trabalhar junto, trabalhar com. Este significado é fundamental para entender o texto.

A Bíblia versão Almeida Século 21, fez uma excelente tradução deste texto, ela traduziu assim: “Sabemos que Deus faz com que todas as coisas concorram para o bem daqueles que o amam, dos que são chamados segundo o seu propósito”. Noutras palavras:

“SABEMOS QUE DEUS TRABALHA JUNTAMENTE
COM TODOS QUE O AMAM”.


Deus exerce a sinergia conosco. Louvado seja Deus! É por isso que TUDO que acontece, acontece para o nosso próprio bem, (Lembre-se a Vontade de Deus é Boa, Perfeita e Agradável Rm 12.2), por mais que não entendamos, um dia provaremos o que esperamos. Leiamos os versículos anteriores – Romanos 8.24-25:

“24Porque, na esperança, fomos salvos. Ora, esperança que se vê não é esperança; pois o que alguém vê, como o espera? 25 Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o aguardamos. 26 Também o Espírito, semelhantemente, nos assiste em nossa fraqueza; porque não sabemos orar como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis. 27 E aquele que sonda os corações sabe qual é a mente do Espírito, porque segundo a vontade de Deus é que ele intercede pelos santos”.

Eu compreendi que os meus sonhos, anseios, desejos e planos, ainda não são vistos, não os tenho em mãos, exatamente porque é ainda vivo a esperança. Quando os ver e ter, chegarei no final de minha espera e aí entenderei o porque que ao esperar vivenciei tais coisas. Achei isso fantástico! Não é à que o apóstolo Paulo diz: “Que diremos, pois, à vista destas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós?” (Romanos 8.31).

Oração:
“Senhor, me perdoe por duvidar de suas ações, por pensar muitas vezes que o Senhor não se importava comigo. Aprendi uma grande lição hoje. Muito obrigado por me fortalecer através da TUA palavra e por me fazer Confiar ainda mais em Ti, pois sei que TU TENS um plano em minha vida e os teus planos jamais se frustrarão, Confio, Espero e Descanso em Ti, Louvado e Engrandecido seja o Teu Santo nome, em nome de Jesus Cristo. Amem!”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Semente Cem Por Um


"Outra (parte da semente) ainda caiu em boa terra. Cresceu e deu boa colheita, a cem por um. Tendo dito isso, exclamou: Aquele que tem ouvidos para ouvir, ouça!... Mas as que caíram em boa terra são os que, com coração bom e generoso, ouvem a palavra, a retêm e dão fruto, com perseverança". (Lucas 8.8 e 15)

Estive pensando nestes dois versículos e questionei algumas coisas: Como é que uma semente pode produzir a cem por um? Você já conheceu um cristão que foi usado por Deus na conversão de cem pessoas? Então existem alguns evangelistas e pregadores super dotados? Isso pode acontecer na vida de qualquer um cristão? Sim, pode! Se um cristão se deixar ser usado por Deus ao longo de sua vida.

Digamos que um cristão ensine a dez pessoas sobre Jesus e, pela Palavra de Deus, o Espírito Santo as converta. Se cada um destes dez ensinarem mais dez pessoas e elas forem convencidas pelo Espírito Santo, já chegarão a cem. Mesmo sem cálculos matemáticos, conheço famílias de cristãos que, ao longo de algumas gerações, foram usadas por Deus para levar centenas de pessoas à conversão. Isso é maravilhoso! E minha ênfase não está na quantidade, mas sim na disposição de cada um de nós que somos CRISTÃOS em trabalhar na obra de Deus, investindo no Reino. Lembro-me das palavras do apóstolo Paulo: “Tudo faço por causa do Evangelho, para dele me tornar co-participante” (1 Coríntios 9.23).

Cada um de nós pode ser usado por Deus na conversão de cem ou mais pessoas, mesmo que o trabalho final seja do Espírito Santo. Mas, temos que perseverar na Palavra de Deus, registrada na Bíblia, nos dispor e deixar que Deus nos use. Temos que continuar semeando o Evangelho, porque a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus (Romanos 10.17), que é o Evangelho de Jesus Cristo. É Deus quem dá o crescimento, você será apenas o instrumento, você deseja isso?

Será que tem uma colheita “a cem por um”, só esperando você falar com seu colega, ou vizinho, ou amigo? Aproveite as oportunidades. Afinal, que diferença você faz, se você não faz diferença?

“Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo. Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis (constantes) e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão”. (1Coríntios 15.57-58)


Oração:
“Senhor poderoso, dono do céu e da terra, usa-nos para levar a poderosa mensagem do Evangelho para cada pessoa que o Senhor tem colocado ao nosso alcance, seja para parentes, vizinhos, colegas ou até mesmo para estranhos. Ajude-nos a sentir o amor que Jesus sente pelos perdidos. Assim como um dia fomos alcançados por este amor, que tenhamos coragem e ousadia para anunciar o Evangelho a todos. Em nome de Jesus Cristo. Amém!”.

No amor de Cristo,

Paulo Berberth
________________
Pastoral postada em: http://www.ibcambui.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=514:semente-cem-por-um&catid=13:pastorais&Itemid=83

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Alegrai-vos e Chorai-vos


“Alegrai-vos com os que se alegram; chorai com os que choram” (Romanos 12.15)

A Bíblia realmente é incrível. Este versículo embora curto possui grandes riquezas nas palavras, falo isso porque muitas vezes detalhes importantes podem simplesmente passar despercebido. A grande discussão que ouvimos dentre os pregadores deste versículo é o que é mais difícil cumprir: Alegrar-se com os que se alegram? Ou Chorar com os que choram? Penso que os dois são difíceis e os dois devem ser cumpridos.

Boa parte das versões bíblicas em português traduz os verbos como imperativo, porém no grego ambos estão como presente infinitivo ativo. O verbo infinitivo é considerado um substantivo verbal, ambas as palavras estão no presente. E o presente denota uma ação contínua ou num estado incompleto. Talvez por isso a preferência de traduzir como imperativo. “Alegrai-vos”, “Chorai-vos”. Mas podem ser traduzidos como “Alegrem-se” e “Chorem”. A BIBLIA VIVA traduz o versículo assim: “Quando os outros estiverem alegres, alegrem-se com eles. Se estiverem tristes, participem de sua tristeza”.

Acima de se Alegrar e de Chorar, há um tema maior nesta perícope (Rm 12.9-21). O Amor. Leiamos os versículos 9 e 10. “ 9 O amor seja sem hipocrisia. Detestai o mal, apegando-vos ao bem. 10 Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros”. Ou seja, aquele que Ama: Se alegra com quem está alegre e chora com quem chora. A Empatia está em baixa e com o passar do tempo as pessoas estão cada vez mais insensíveis às coisas, não se importam nem com alegrias e nem com os choros alheios. Vejamos então as duas situações e o que podemos extrair do texto proposto.


“Alegrai-vos com os que se alegram...” 15a

Lembro-me do inicio de minha conversão. Sempre fui de evangelizar e gostava muito de contar as minhas experiências de evangelização, das reações das pessoas, quando elas aceitavam bem e quando elas desprezavam, sentia-me feliz ao evangelizar e aproveitar as oportunidades. Porém fui repreendido por algumas pessoas e elas alegavam assim: “Paulo, você tem que falar menos sobre isso, porque as pessoas podem achar que está se gloriando com as coisas que está fazendo”.

Nunca ninguém entendia a minha alegria e acho que ainda é assim, infelizmente! Como é que pode alguém não se alegrar com alguém que está fazendo a obra de Deus? Ao falarem isso pensava, tal pessoa já está achando que estou me gloriando e assim os julgamentos aparecem, isso me entristecia muito.

Formamos a Igreja de Cristo, somos um corpo, e devemos sentir o que o outro sente. A alegria dele deve me contagiar. A vitória dele é a minha. O Apóstolo Paulo deixa isso claro em 1 Coríntios 12.26 “De maneira que, se um membro sofre, todos sofrem com ele; e, se um deles é honrado, com ele todos se regozijam”.

“...chorai com os que choram.” 15b


Chorar pra mim já é difícil. Imaginem chorar com os que choram? Mas na medida em que vou tendo minhas experiências de ministério e de vida cristã vou aprendendo a “chorar” com as pessoas. A grande questão é que estamos tão ocupados em nosso mundo egocêntrico que não temos “tempo”, “vontade” e muito menos “interesse” em se importar com os choros e tristezas alheias.

Ouvi certa vez que o contrário de amar não é odiar. É ser indiferente, é desprezar. Talvez isso tenha sentido. O apóstolo Paulo escreve sobre “Levar as cargas uns dos outros...” (Gálatas 6.2). Jesus é o nosso mestre, o nosso modelo supremo. Nos evangelhos podemos citar várias situações em que ele se importou com os choros das pessoas.

Ele se compadeceu de uma multidão que estava aflita e faminta que estavam como ovelhas sem pastor. Multiplicou o pão duas vezes. Noutra ocasião ele chorou literalmente pela morte de um amigo, Lazaro, mas depois consolou os corações de todos ressuscitando ele. Também se importou com cegos, aleijados, prostitutas, ladrões, endemoniados e muitas outras pessoas e muitas outras ocasiões e muitas delas nem foram registradas, mas as que foram registradas serve-nos como exemplos de Amor e Empatia.

Nosso desafio é olhar a alegria do próximo e simplesmente sentirmos tal alegria como se fosse a nossa. É sentir sua dor como se fosse a nossa. Que desafio!!!
“Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles” (Mateus 7.12)

Oração:
“Senhor, como é difícil ter um coração duro, peço-te que quebre o meu coração para que saiba amar o meu próximo como o Senhor nos ensinou. Independente de quem seja, que possa alegrar-se com os que se alegram e chorar com seu choram. Em nome de Jesus Cristo. Amém!”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

domingo, 15 de novembro de 2009

ENCONTRO DE JOVENS - JUBACAD


Dia 20/11 – Sexta Feira – Feriado – para Jovens e Adolescentes
Tema: Drogas - “Meus heróis Morreram de overdose?”

Preletor: Tenente Pedrosa – membro da Igreja Batista Central


Local: Igreja Batista do Cambuí
Rua Vieira Bueno, nº 20, Cambuí - CEP 13024-040 Campinas, SP Fone/Fax: (19) 3252.5999

Início para às 19h30m


Às 21h30m acontece o FACE À FACE – Momento de oração com a galera da Seara Urbana. Depois rola o culto da Seara Urbana aqueles que quiserem ficar para o Culto será ótimo.

http://www.searaurbana.com/



“Meus heróis Morreram de overdose Meus inimigos Estão no poder. Ideologia! Eu quero uma prá viver. Ideologia! Prá viver...”

Eis um trecho da música “Ideologia” feita e cantada por um dos cantores mais venerados e idolatrados no Brasil por toda uma geração, Cazuza. Porém todos nós sabemos qual foi seu lastimável fim e sabemos também quantos jovens, adolescentes e pais de famílias, que tiverem e estão tendo os mesmos passos do “astro” Cazuza. Por isso da pergunta: “Meus heróis Morreram de overdose?”

O meu Herói morreu numa Cruz, Ressuscitou, está Vivo e meu Deu a vida Eterna. O nome dele é JESUS CRISTO.

Queremos com esta programação trocar idéias sobre este assunto que tem destruído lares e muitas vidas, AS DROGAS. Venha participar e aprender um pouco mais sobre este assunto. Faça diferença onde quer que esteja. E a única forma de libertar as pessoas deste mundo tenebroso das drogas é JESUS.

Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. (João 8.36)


No amor de Cristo,

Paulo Berberth

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Apagão


APAGÃO. O Ministério de Minas e Energia (MME) informou que o apagão ocorrido entre a noite de terça (dia 10) e esta madrugada atingiu 18 estados brasileiros. Segundo nota técnica do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), quatro estados foram afetados na totalidade: São Paulo, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro e Espírito Santo. E outros 14, parcialmente: Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Acre, Rondônia, Bahia, Sergipe, Paraíba, Alagoas, Pernambuco e Rio Grande do Norte.

As conseqüências foram trágicas, pessoas dormiram na rua porque não tinha como voltar para casa. Comerciantes tiveram prejuízos. Hospitais tiveram problemas sérios com pacientes. O transito em SP que já é um caos, ficou um inferno. Em vários lugares estão com falta de água, inclusive na minha cidade. Aconteceram roubos, furtos e outros crimes, inclusive, uma mulher foi assassinada na região sul de São Paulo e muitas outras coisas aconteceram... resumindo: Sem a Luz, tudo ficou muito confuso e problemático. Muitos não souberam o que fazer, outros ficaram desesperados e desorientados. Então fiquei refletindo...

No mundo, quantas pessoas vivem no apagão? Sofrem, pois estão perdidas, desorientadas, seguindo caminhos tortuosos, sem ao menos saber onde vão dar e nem sabem por onde estão pisando. Não tem a Luz, não conhecem a Luz, não vivem na Luz. Mas quem tem a Luz e conhece a Luz, deve ser Luz. Jesus Cristo disse:

“Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida”. (João 8.12)

Jesus é a Luz do mundo. E muitos no mundo vivem em um total blecaute e nossa missão é ser Luz. Levar a Luz:

“14 Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; 15 nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. 16 Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus” (Mateus 5.14-16).

Fiquei pensando que talvez ao ler este texto, tu pudesses refletir:

Onde estás vivendo?
Ainda anda na escuridão?
Vive em trevas?




Compreenda:



A vida sem Jesus é um terrível
e eterno APAGÃO.


A escolha é sua!

Venha para Luz... Venha para Jesus....

Oração:
“Pai querido, quantas pessoas ainda neste mundo vivem longe da LUZ, vivem distante de Ti.... Óhhh Senhor seja misericordioso com tais pessoas. Quebranta os corações. Também Senhor, quero lhe pedir que use a minha vida como reflexo da sua luz, quero ser como um potente farol.... mostrado a direção que leva para ti JESUS. É em teu precioso nome que oro. Amém!”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Fé Como Batatas

“se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e me buscar, e se converter dos seus maus caminhos, então, eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra”. (2 Crônicas 7.14)

Ontem assisti o filme “O Fazendeiro e Deus”. O titulo original em inglês é Faith Like Potatoes“Fé Como Batatas”. Fiquei pensando o filme inteiro e curioso porque o título original do filme tem este nome, bom no final do filme obtive a resposta. Claro que não serei chato em contar o final do filme, mas quero sim fazer uma reflexão do que Deus falou ao meu coração através deste maravilhoso filme.

Um breve resumo: "O Fazendeiro e Deus" baseia-se na história real. África do Sul – Angus Buchan é um fazendeiro de origem escocesa, muito trabalhador, dedicado à mulher e aos filhos, mas violento diante das contrariedades. Quando a situação em Zâmbia fica perigosa, ele decide mudar-se para KwaZulu Natal e recomeçar do zero. Morando num trailer, com a ajuda de Simeon Bhengu, um zulu que se oferece para o trabalho, a família Buchan luta para instalar-se nesta nova terra. Na medida em que as dificuldades se avolumam, Angus mergulha num misto de medo, fúria e desespero. Neste momento ele é convidado para uma reunião de agricultores na Igreja Metodista local. Como conseqüência, em vez de riqueza, o fazendeiro passa a buscar Deus, e o que ele encontra? (Assista o filme e conseguirá entender a aplicação deste texto, depois comente para nossa edificação).

Angus tinha um grande desafio diante de toda uma cidade e agricultores incrédulos. Ele iria plantar batatas numa época de seca e solo impróprio para o plantio. Ele orou por chuva e para Deus sarar a terra. Angus compara a fé em Deus à cultura de batatas, por isso do título: Faith Like Potatoes “Fé Como Batatas” – aqui então cabe uma pequena explicação e depois uma aplicação para as nossas vidas. A colheita da batata inicia-se 3 a 4 meses após o plantio. Elas permanecem invisíveis até o momento da colheita, ou seja, ficam debaixo da terra. Não veio a chuva e depois chegou o tempo da colheita e Deus abençoou Angus e aquela cidade.

Assim como agricultor deve crer que a batata está crescendo, mesmo sem ver o seu crescimento, assim deve ser nossa fé em Deus, mesmo sem muitas vezes perceber sua ação em nossas vidas. Vivemos de fé em fé. “O Justo viverá pela fé”. E nesta jornada temos épocas de secas, assim como épocas de fartura. Hoje, talvez assim como eu, você deve estar passando por momentos de incertezas, onde a ansiedade, o desespero e o medo podem atrapalhar a fé em Deus, sua provisão e cuidado.

O nosso desafio é CRER que Deus está no controle e que no tempo certo mesmo sem chuva e com seca, colheremos as “batatas”. Os planos de Deus jamais poderão ser frustrados creia que conforme a vontade soberana Dele os seus sonhos e planos serão realizados. Esteja pronto para o não, mas vá ao plantio e deixe que o crescimento é Deus quem dá.

Oração:
“Senhor, muitas coisas eu não entendo e em várias situações o temor e medo me vêem à mente, me dominam deixando-me sem reação. A questão está toda em torno de crer que o Senhor proverá aquilo que é necessário para a minha vida e de minha família. Ajude-me a ter “fé como batatas”. Em nome de Jesus. Amém!”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Deus Proverá


“ 7Quando Isaque disse a Abraão, seu pai: Meu pai! Respondeu Abraão: Eis-me aqui, meu filho! Perguntou-lhe Isaque: Eis o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto? 8 Respondeu Abraão: Deus proverá para si, meu filho, o cordeiro para o holocausto; e seguiam ambos juntos. (Genesis 22.7-8)


Essas duas palavrinhas viraram um jargão no meio evangélico: “Deus proverá”. Normalmente é usada quando uma pessoa está precisando de alguma providencia e que aos olhos humanos é impossível, “para os homens é impossível; contudo, não para Deus, porque para Deus tudo é possível”. (Mc 10.27).

A Bíblia diz que a “Fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem”. (Hb 11.1). E que Sem FÉ é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam”. (Hb 11.6). Sabemos o final desta história, Deus proveu o cordeirinho (leia Gn 22.9-13), Deus mostrou que Foi possível pela fé de Abraão. Ele sabia que algo iria acontecer, ele sabia que Deus não o abandonaria.

Vivemos em nossas vidas situações similares, talvez em proporções diferentes. Mas constantemente nos encontramos em momentos que nossa fé deve ser mostrada para Deus, nossa confiança deve estar no Senhor. Pensando na minha própria vida, percebo o quanto Deus foi, e é e sempre permaneceu fiel, mesmo eu não merecendo.

No seminário durante todo o meu estudo, eu não paguei um centavo sequer, Deus enviou pessoas para sustentar-me. Primeiramente a minha igreja de origem, onde dei minha vida para Jesus. Durante 3 anos me abençoaram, pagando a mensalidade e parte do transporte. Fiquei desempregado 1 ano e meio nesses 3 anos, eles me ajudaram com a mensalidade e passagem total. Neste período comecei a fazer amendoim doces e salgados para vender, e vendia muito, fiz muito sucesso. Um grande pequeno detalhe – eu nunca gostei de amendoim. E foi dele a minha renda, pouca sim, mas que ajudou suprir minhas necessidades na época, como livros, cópias de apostilas e outras coisinhas. Nada para luxo, apenas para as necessidades básicas.

Já ganhei cesta básica de irmãos, roupas. Certa vez me vestiram dos “pés à cabeça”. (Quando lembro me emociono). Uma pessoa comprou calças, camisetas, um sapato, até boné eu ganhei. Depois, meu ultimo ano de seminário já estava em minha igreja atual, e Deus continuou me abençoando, recebia ofertas para pagar meus estudos. Perdi o emprego em Janeiro deste ano e até Setembro fui sustentado por uma pessoa que tem sido como um irmão mais velho, o Pr Ivan Fidelis, grande amigo e homem de Deus, admiro e vejo como exemplo. Recebi tanto carinho. Como não lembrar do Note book, ganhei um note book! Incrível as coisas que Deus faz em nossas vidas.

Bom... de Setembro até agora estou sem sustento, aí volta e meia me vem à mente: “E agora Senhor? O que faço?” E única resposta que tenho: “FILHO, não sustentei você até aqui? EU VOU PROVER!” O homem é incrédulo, por natureza e a história mostra isso. Eu, Paulo, não sou diferente... preciso confiar, crer e ter fé na providência de Deus.

E você? Está vendo algo impossível? Consegue perceber a provisão de Deus na sua vida? Creia. Deus é o Deus dos Impossíveis.

Oração:
“Senhor, Tu já mostrou tanto nas pequenas coisas ou nas grandes a sua provisão sobre minha vida, peço-te que me ajude a ser fiel a Ti, e confiar no Senhor, como é difícil olhar para situações e nos sentirmos sem saída. E como é bom lembrar de Ti e crer que o Senhor está no controle de Todas as coisas. Em nome de Jesus que oro. Amém”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Amizade












Valorize suas amizades, os seus amigos, demonstre os mais profundos sentimentos por eles, todos os dias, quantas vezes puder, como se fosse o ultimo dia da sua vida e da vida dele, pois haverá um dia que talvez um deles não esteja mais entre nós. Louvo ao Senhor por ter amigos leais e verdadeiros....

"Em todo tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão". (Proverbios 17.17)

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Tempestades da Vida

“Então lhes perguntou: Porque estais tão amedrontados? Ainda não tendes fé?” (Marcos 4.40).



Já é conhecida de todos nós esta passagem bíblica, normalmente lembramos dela dizendo: “JESUS ACALMA A TEMPESTADE”, talvez se alguém ainda não a conheça, pode ser lida nos evangelhos de Mateus 8.23-27; Lucas 8.22-25 e em Marcos 4.35-41. Utilizando-se do evangelho de Marcos, o que podemos aprender deste fato bíblico? Que aplicação podemos tirar para as nossas vidas hoje?

1 – Mesmo com Obediência as Tempestades Virão (Marcos 4.35-37)

Jesus disse: “... Passemos para o outro lado”.

Assim como os discípulos nesta situação, ao seguirmos Jesus e obedecer as suas ordens as tempestades virão ao contrário do que a teologia da prosperidade prega dizendo que os crentes nunca passarão por dificuldades. Ali a tempestade chegou, assim como chega a minha vida e chegam a sua. Elas muitas vezes surgem de forma arrebatadoras, perigosas e inesperadas ao ponto de quase “naufragar o nosso barco”.

2 – Mesmo na Tempestade Será Necessário Ter FÉ (Marcos 4.38)

“... Mestre não te importa que pereçamos?”

É interessante como no meio das tempestades nos esquecemos tão rapidamente da ordem de Jesus e de quem principalmente ELE é. O texto diz que Jesus estava no popa do barco dormindo. Lembro-me de uma declaração de um dos maiores laterais-direitos de todos os tempos, Carlos Alberto Torres, conhecido como o capitão do tri da Copa de 70. Brasil x Itália na Final. Eles estavam ansiosos e bastante nervosos, quando chegaram ao vestiário encontraram o rei Pelé, deitado bem tranqüilo com a cabeça na bola. E o Capitão disse: “Se o negão está tranqüilo, porque estamos preocupados?” Claro a seleção brasileira foi naquela ocasião tricampeã mundial, ganhou de 4x1.

Usei esta comparação, porque os jogadores e talvez todo o mundo tinham tanta “fé” e convicção no que o Pelé poderia fazer. Mas Pelé é eterno apenas na história do futebol, Ele não é Jesus. Jesus Cristo é o REI dos Reis, como os discípulos puderam duvidar do poder de Jesus? Sim, Ele estava dormindo, mas era ELE quem estava no barco, Bastava ter fé e Confiar, assim também somos. Porém se Jesus está no “barco” não correremos perigos, somente devemos crer.

3 – Mesmo quando falhamos, Jesus acalma a Tempestade e nos ensina quem ELE É. (Marcos 4.39-41).

Jesus Acalma a tempestade. Mesmo sem fé Jesus nos ama e nos ensina como devemos proceder. E depois que isso acontece em nossas vidas ficamos atônitos como os discípulos e dizemos: “Quem é este, que até o vento e o mar lhe obedecem?”.

“Alegrai-vos na esperança, sede pacientes nas tribulações, perseverai na oração” (Romanos 12.12)

Oração:
“Senhor, ajude-nos a CONFIAR em Ti, seja qual for a situação, que possamos confiar, descansar e crer que o Senhor está no Controle de tudo inclusive de nossas vidas. Em nome de Jesus. Amem!”


No amor de Cristo,

Paulo Berberth