domingo, 11 de agosto de 2013

ABRAÃO, EXEMPLO DE UM BOM PAI


ABRAÃO, EXEMPLO DE UM BOM PAI
Mensagem do dia 11/08/2013 (Domingo/Noite) 
Igreja Batista Central em Toledo
“Dia dos Pais”

1 O Senhor foi bondoso com Sara, como lhe dissera, e fez por ela o que prometera. 2 Sara engravidou e deu um filho a Abraão em sua velhice, na época fixada por Deus em sua promessa. 3 Abraão deu o nome de Isaque ao filho que Sara lhe dera. 4 Quando seu filho Isaque tinha oito dias de vida, Abraão o circuncidou, conforme Deus lhe havia ordenado. 5 Estava ele com cem anos de idade quando lhe nasceu Isaque, seu filho. 6 E Sara disse: ‘Deus me encheu de riso, e todos os que souberem disso rirão comigo’. 7 E acrescentou: ‘Quem diria a Abraão que Sara amamentaria filhos? Contudo eu lhe dei um filho em sua velhice!’ 8 O menino cresceu e foi desmamado. No dia em que Isaque foi desmamado, Abraão deu uma grande festa” (Gênesis 21.1-8).

INTRODUÇÃO
Hoje é dia dos pais. Um dia muito especial. Então pensei em homens da bíblia que pudesse usar seus exemplos como conselhos para todos nós ainda hoje, mas a verdade é que grandes homens de Deus mencionados nas Escrituras falharam como pai, entre eles podemos citar Jacó, Davi, o Sacerdote Eli e muitos outros. Sabemos que o Pai é o cabeça da mulher e o sacerdote do lar; é o provedor da família; Ele educa e disciplina os filhos.

Servos que agradam ao Senhor 01

Servos que agradam ao Senhor 01
"Uma igreja frutífera possui servos que agradam a Deus com suas vidas"
Série: Discípulos - Mensagem do dia 11/08/2013 (Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

10 Agora tenho no coração o propósito de fazer uma aliança com o Senhor, Deus de Israel, para que sua fúria se desvie de nós 11 Filhos meus, não sejais negligentes, pois o Senhor vos escolheu para servirdes em sua presença e para serdes seus ministros e queimardes incenso” (2Crônicas 29.10-11).

INTRODUÇÃO
Há uma lição importante: Os verdadeiros servos fazem o que é bom e correto aos olhos do Senhor. O próprio texto explica o seu contexto, vamos fazer a leitura dos vv. 1-11. Ezequias era Rei em Jerusalém. Fez o que era bom e correto aos olhos do Senhor. Reformou e reabriu o templo do Senhor. Ele chamou para uma conversinha os sacerdotes e os levitas e disse para eles: “Ouvi-me. Santificai-vos agora, e santificai o templo do Senhor, Deus dos vossos pais, e limpai a impureza do santo lugar” (v.5). Os antepassados deles foram infiéis ao Senhor. O rei Acaz, pai de Ezequeias, fez o que era mau aos olhos do Senhor. Fecharam o templo contaminaram os utensílios. Agora Jerusalém iria passar a viver uma nova história. Ezequias veio a ser um excelente rei. O que podemos aprender com o rei Ezequias?

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Isaías - “A Oração de Agradecimento” 02

Isaías - “A Oração de Agradecimento” 02
Série: Orações na Bíblia - Dia 07/08/2013 (quarta-feira) 
 Igreja Batista Central em Toledo
Texto: Isaías 12.1-6

Nós vimos que no texto de Isaías 12.1-6, há uma “Uma chamada para confiar nele (em Deus) como nosso divino libertador”. Devemos orar agradecendo a Deus pela Salvação. Mas aquele que recebe a salvação, aquele que é liberto por Cristo, não pode ficar de braços cruzados, por isso há...

2. UMA CHAMADA PARA TESTEMUNHARMOS DOS SEUS FEITOS

Se experimentamos as Boas Novas do Evangelho, seria egoísmo não testemunhar, por isso não podemos ficar calados. Jesus manda-nos testemunhar e fazer discípulos (Mateus 28.18-20). A Bíblia diz que Jesus nos faria testemunhas Dele, Atos 1.8: “Mas receberão poder quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até os confins da terra".

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Inútil

[Inútil]
                                                      
"É INÚTIL ter Cristo nos lábios e o MUNDO no coração.
É INÚTIL dizer que ama a Deus e odiar o próximo.
É INÚTIL dizer que é cristão e não imitar a Cristo.
É INÚTIL cantar louvores lindos na igreja e não adorar no coração.
É INÚTIL ler a Bíblia e ter a mente cega para sua instrução.
É INÚTL ouvir as mensagens e não ser impactados por ela.
É INÚTIL ir à IGREJA e não ser igreja.
É INÚTIL dizer que é livre e não viver como um escravo de Cristo.
É INÚTIL Viver sem ter Morrido com Cristo”.


“Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim” (Gálatas 2.20).

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

O Velho EU que éramos nós


O Velho EU que éramos nós
Pastoral nr 027

“Isto, portanto, digo e no Senhor testifico que não mais andeis como também andam os gentios, na vaidade dos seus próprios pensamentos, obscurecidos de entendimento, alheios à vida de Deus por causa da ignorância em que vivem, pela dureza do seu coração, os quais, tendo- se tornado insensíveis, se entregaram à dissolução para, com avidez, cometerem toda sorte de impureza” (Efésios 4.17-19).

Descrição terrível, não acha? Sim! Era exatamente assim que éramos assim antes de sermos alcançados pela Maravilhosa Graça de Deus, que nos transformou pela ação do Espírito Santo de Deus. Nossos pecados cheiravam mal diante de Deus. A nossa justiça era vista como trapo de coisa nojenta e repugnante por ELE (Isaías 64.6).

domingo, 4 de agosto de 2013

Jesus estimula a oração

Jesus estimula a oração
Mensagem do dia 04/08/2013 (Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

"7 Peçam, e lhes será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta lhes será aberta 8 Pois todo o que pede, recebe; o que busca, encontra; e àquele que bate, a porta será aberta” (Mateus 7.7-8)

O texto é interessante, há três ações humanas que geram três reações de Deus. Para a teologia “determinista” e “triunfalista” é um prato cheio para heresias, das quais devemos passar longe. Primeiro porque não podemos e nem devemos ‘determinar’ nada a Deus, o texto diz: “Peça, Busque, Bata”, não diz: “Determine, Pegue, Toma Posse”. Segundo, porque Pedir, Buscar e Bater (embora possuam promessas positivas), não significa que seremos atendidos, porque a ênfase não está em nós e sim em Deus, pois de acordo com Sua soberana vontade seremos ou não atendidos de não receber não é de nenhuma maneira falta de fé, é o que dizem os deterministas e os triunfalistas.

Na verdade o que Jesus está fazendo é estimular a pratica da oração. Não importa se receberemos ou não, importa orarmos. E os três verbos estão no imperativo “Pedi, Buscai e Batei”. É uma ordem dada por Jesus, Ele deseja e está pronto a nos ouvir.