segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Tempestades da Vida

“Então lhes perguntou: Porque estais tão amedrontados? Ainda não tendes fé?” (Marcos 4.40).



Já é conhecida de todos nós esta passagem bíblica, normalmente lembramos dela dizendo: “JESUS ACALMA A TEMPESTADE”, talvez se alguém ainda não a conheça, pode ser lida nos evangelhos de Mateus 8.23-27; Lucas 8.22-25 e em Marcos 4.35-41. Utilizando-se do evangelho de Marcos, o que podemos aprender deste fato bíblico? Que aplicação podemos tirar para as nossas vidas hoje?

1 – Mesmo com Obediência as Tempestades Virão (Marcos 4.35-37)

Jesus disse: “... Passemos para o outro lado”.

Assim como os discípulos nesta situação, ao seguirmos Jesus e obedecer as suas ordens as tempestades virão ao contrário do que a teologia da prosperidade prega dizendo que os crentes nunca passarão por dificuldades. Ali a tempestade chegou, assim como chega a minha vida e chegam a sua. Elas muitas vezes surgem de forma arrebatadoras, perigosas e inesperadas ao ponto de quase “naufragar o nosso barco”.

2 – Mesmo na Tempestade Será Necessário Ter FÉ (Marcos 4.38)

“... Mestre não te importa que pereçamos?”

É interessante como no meio das tempestades nos esquecemos tão rapidamente da ordem de Jesus e de quem principalmente ELE é. O texto diz que Jesus estava no popa do barco dormindo. Lembro-me de uma declaração de um dos maiores laterais-direitos de todos os tempos, Carlos Alberto Torres, conhecido como o capitão do tri da Copa de 70. Brasil x Itália na Final. Eles estavam ansiosos e bastante nervosos, quando chegaram ao vestiário encontraram o rei Pelé, deitado bem tranqüilo com a cabeça na bola. E o Capitão disse: “Se o negão está tranqüilo, porque estamos preocupados?” Claro a seleção brasileira foi naquela ocasião tricampeã mundial, ganhou de 4x1.

Usei esta comparação, porque os jogadores e talvez todo o mundo tinham tanta “fé” e convicção no que o Pelé poderia fazer. Mas Pelé é eterno apenas na história do futebol, Ele não é Jesus. Jesus Cristo é o REI dos Reis, como os discípulos puderam duvidar do poder de Jesus? Sim, Ele estava dormindo, mas era ELE quem estava no barco, Bastava ter fé e Confiar, assim também somos. Porém se Jesus está no “barco” não correremos perigos, somente devemos crer.

3 – Mesmo quando falhamos, Jesus acalma a Tempestade e nos ensina quem ELE É. (Marcos 4.39-41).

Jesus Acalma a tempestade. Mesmo sem fé Jesus nos ama e nos ensina como devemos proceder. E depois que isso acontece em nossas vidas ficamos atônitos como os discípulos e dizemos: “Quem é este, que até o vento e o mar lhe obedecem?”.

“Alegrai-vos na esperança, sede pacientes nas tribulações, perseverai na oração” (Romanos 12.12)

Oração:
“Senhor, ajude-nos a CONFIAR em Ti, seja qual for a situação, que possamos confiar, descansar e crer que o Senhor está no Controle de tudo inclusive de nossas vidas. Em nome de Jesus. Amem!”


No amor de Cristo,

Paulo Berberth

Um comentário:

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth