quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Um cântico de Gratidão


Davi cantou ao Senhor este cântico, quando este o livrou das mãos de todos os seus inimigos e das mãos de Saul, dizendo: "O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador; o meu Deus é a minha rocha, em que me refugio; o meu escudo e o meu poderoso salvador” (2 Samuel 22.1-3).

Sabemos que no caso de Davi, o livramento era do poderoso Saul. Queria mata-lo. E Deus o livrou da morte. Mas gostaria de refletir com vocês o seguinte: Livramentos acontecem todos os dias em todos os momentos com cada um de nós. Muitas coisas acontecem e nós não sabemos e não entendemos, talvez quando você perde um ônibus e por conta disso chega atrasado para um compromisso, talvez noutras situações bem comuns do dia a dia. Deus cuida de nós constantemente. Você crê nisto? Então podemos dizer como Davi:

"O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador; o meu Deus é a minha rocha, em que me refugio; o meu escudo e o meu poderoso salvador”

Louve ao Senhor, pois Ele tem cuidado de ti a cada instante.


No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth