sexta-feira, 22 de junho de 2018

Orai com gratidão no coração


Orai com gratidão no coração
Mensagem do dia 22/06/2018 (Sexta – Culto Doméstico) – Igreja Batista Mandacaru

“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco” (1Tessalonicenses 5.18)
Introdução
Quando falamos de oração, podemos dizer que existe oração em forma de Pedido, de Intercessão, de adoração, de rogo, de súplica, de pedido de perdão, de confissão dos pecados e de gratidão, hoje quero falar sobre a gratidão, contentamento.

Você tem orado com gratidão no coração?

A gratidão é um sentimento nobre. Pois é o reconhecimento pelo benefício recebido. É um sentimento de amor pelo amor, carinho e cuidado recebido. E com certeza há muitas razões para sentimos GRATIDÃO. Em primeiro lugar, podemos sentir gratidão pela Salvação em Cristo Jesus. Depois, pelos benefícios desta salvação como, e por último podemos agradecer pelas bênçãos derramadas em nossas vidas, seja na área material, emocional ou espiritual.

Podemos agradecer não apenas pelas bênçãos, mas também pelas dificuldades, pelos problemas, pelas lutas, sinceramente, sabemos que podemos experimentar a ação de Deus em meio as dificuldades, nos favorecendo, e então, desfrutarmos do seu cuidado e amor.

Já a ingratidão é comparada com a loucura, é uma característica pessoal dos incrédulos. Leiamos Romanos 1.21-22: "Porque, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças, mas os seus pensamentos tornaram-se fúteis e os seus corações insensatos se obscureceram. Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos". 

Será que nossas atitudes também têm sido como as dos incrédulos? Ao orarmos, temos que tomar muito cuidado para não apenas pedir, mas agradecer também. PEDIMOS muito e AGRADECEMOS pouco. Mas o povo de Deus também foi ingrato ao longo da história, Deus havia libertado do Egito, da escravidão e havia feito grandes feitos, todavia o povo de Israel foi... Deuteronômio 32:

·         Um povo Ingrato vv.5-6;
·         Que se esqueceu rapidamente dos cuidados do Senhor vv.7 e 10;
·         Que abandonou a Deus vv.15 e 18;
·         E serviram sacrifícios para deuses estranhos v.17;

Independente de qual a situação estejamos vivenciando temos que agradecer, "Essa é a vontade de Deus" inclui também os vv. 16-17: "Alegrai-vos sempre. Orai sem cessar". Tudo o que Deus faz é bom. Por isso o desejo Dele é que tenhamos corações gratos. Precisamos adorar a Deus em todos os momentos, seja em fartura, ou necessidades. Nos bons e maus momentos.

O apóstolo Paulo sabia muito bem o que estava dizendo quando falou que "podia todas as coisas em Jesus" (Fp 4.13); Antes disse: Filipenses 4.11-12: "... aprendi a adaptar-me a toda e qualquer circunstância. Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade".

F Somos gratos em qualquer situação?

Conclusão
Pensando no coletivo, "Uma igreja forte, antes de mais nada, se prostra de joelhos em oração". A sustenta o nosso viver. A oração é essencial na vida do cristão e faz toda diferença na vida da igreja. Deus sempre nos atende, mesmo que aos nossos olhos pareça demorar e mesmo que não seja a resposta desejada, podemos ter a certeza de que ELE sempre tem o melhor para as nossas vidas, por isso...

F Ore... DEUS quer ouvir você falar com Ele. 
F Ore... Agradecendo a Deus por todas as coisas.
F Ore... Pois esta é a vontade De DEUS.

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth