sábado, 30 de setembro de 2017

Vivamos a Mutualidade

Vivamos a Mutualidade
Pastoral – nr. 014
Texto: Romanos 12.1-21

Romanos 12.4-5: 4 Assim como cada um de nós tem um corpo com muitos membros e esses membros não exercem todos a mesma função, 5 assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros”.


“Mutualidade” é um termo que descreve o dever que cada cristão tem para com o outro, enquanto membro da família de Deus. Mutualidade origina-se da expressão bíblica uns para com os outros”. Sentido de reciprocidade.
Mas a mutualidade não é “barganha”, é um mandamento de amor, pois devemos cumprir sem esperar nada em troca. Isso é viver o que Jesus disse em Mateus 22.37-40.
Há pelo menos 36 imperativos de mutualidade no NT. Indicando ordem, mandamento. Ações que demonstram o que fazer e o que não fazer uns com os outros como preservação da comunhão.
Meus queridos irmãos, vivamos a mutualidade com todas as nossas forças dispostos a praticarmos o mais puro amor, a graça, a misericórdia, a empatia, sendo compassivos, tolerantes, benignos, com os corações abnegados e altruístas.
Assim, valorizaremos e edificaremos o corpo de Cristo, mas também investiremos no Reino de Deus, desenvolvendo relacionamentos com os que não conhecem a Jesus. O relacionamento deve ser discipulador, sutilmente sábio, pacientemente prático, não religioso, mas com tato, discernimento, sensibilidade, criatividade e ousadia iremos apresentar o verdadeiro evangelho e o que é viver com Cristo através de nossas vidas.

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth