sexta-feira, 25 de agosto de 2017

No Reino de Deus, PERDER É GANHAR.



Mensagem do dia 25/08/2017 (Sexta – Culto Doméstico) – Igreja Batista Mandacaru

“Quem tentar conservar a sua vida a perderá, e quem perder a sua vida a preservará” NVI
(Lucas 17.33).
Introdução
Hoje quero falar sobre a vida, a nossa vida (já que hoje estamos aqui comemorando + um ano de vida de Regina) ...

Ü  Como temos vivido nossas vidas?
Ü  Quais nossos valores, princípios e crenças?

Contexto: No capítulo 17 de Lucas Jesus vem falando sobre “testemunho”, “Vida com Deus”, sobre a “Fé”, “Perdão”, “Humildade” (vv. 1-10); A tônica sobre a Fé é importante, com o exemplo dos Dez leprosos (vv. 11-19), com este texto aprendemos sobre “Gratidão” e sobre a Fé especialmente de um dos dez leprosos que não apenas foi levado à cura de sua doença, mas também obteve a salvação, a vida eterna.

No dia seguinte, Jesus fora interrogado pelos fariseus sobre quando viria o Reino de Deus, Jesus respondeu: "O Reino de Deus não vem de modo visível, nem se dirá: ‘Aqui está ele’, ou ‘Lá está’; porque o Reino de Deus está entre vocês" (Lucas 17.20-21).

A grande questão é que temos que viver o reino de Deus. Nós fomos chamados por Deus não apenas para nos integrar ao Seu Reino (fazer parte), mas também para cooperar no crescimento Dele. Noutras palavras, temos benefícios e responsabilidades com Jesus e com o seu reino.

Ü  Benefícios: A Salvação, a Vida Eterna, Paz, Comunhão com Deus e com a Igreja, a Presença constante de Deus em nossas vidas, vida abundante aqui na terra etc..;

Ü  Responsabilidades: Testemunhar, Evangelizar, Servir ao próximo, Servir a Igreja local, a comunidade, agir, falar, pensar e se comportar como Jesus, etc...

O que nos leva a refletir sobre como (de maneira geral) as pessoas estão vivendo suas vidas, quais são suas preocupações? Suas prioridades? O que mais valorizam? E podemos perceber que muitos querem tanto a felicidade que a perdem, por buscarem nas fontes erradas. Então pensam muito nesta vida e se esquecem da eternidade.

O apóstolo Paulo disse:
& “Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens” 1 Coríntios 15.19. Falando sobre a Ressurreição e a Vida Eterna com Cristo.

& E diz em Filipenses 3.20: “A nossa cidadania, porém, está nos céus, de onde esperamos ansiosamente o Salvador, o Senhor Jesus Cristo”.

É evidente que Jesus não condena a busca da felicidade e ter coisas, bens materiais. Mas Ele nos adverte contra o egoísmo, marcado quando só buscamos nossos próprios interesses, a ponto de nos esquecermos dos outros. Ou quando buscamos as coisas do mundo e nos esquecemos das coisas de Deus.

A felicidade vem quando amamos a Deus em primeiro lugar. Quando obedecemos a Sua Palavra. Este amor a Deus e por sua Palavra nos ensina como viver e nos enche de amor por nossa família, pelas outras pessoas (conhecidas ou não). Mas a cada dia devemos consagrar o nosso viver diante do Senhor. Buscar uma vida de intimidade e piedade, com boa espiritualidade.

Ü  Qual é a sua realidade? Como você tem escolhido viver seus dias? Quais tem sido as suas prioridades? Os seus hábitos? O que você mais valoriza?

Quem busca apenas seu próprio interesse esbarra no muro da indiferença, do egoísmo e da ingratidão. Temos o privilégio de fazer a diferença na vida de muitos que estão sofrendo. E se queremos a felicidade verdadeira, Jesus nos ensinou e nos mostrou o caminho. Basta trilharmos ele.

Contudo, “Quem tentar conservar a sua vida a perderá, e quem perder a sua vida a preservará”.

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth