quinta-feira, 7 de julho de 2016

#SALMO 6 – parte 2

Estudos em Salmos
Salmo 6 “PEDIDO POR MISERICÓRDIA” – Parte 2

2. O Sentimento de Davi (vv. 5-7);
5 Pois na morte não há lembrança de ti; na sepultura, quem te dará louvor? 6 Estou cansado do meu gemido; toda noite faço nadar em lágrimas a minha cama, inundo com elas o meu leito. 7 Meus olhos estão consumidos pela mágoa, enfraquecidos por causa de todos os meus inimigos.

Davi pensa na morte o Sheol “sepultura’, o mundo dos mortos (v.5). Ele quase chegou lá. Lamenta a incapacidade de participar temporariamente das ofertas públicas de louvor, se ele morrer, não poderá louvar a Deus, se ele perder a vida, Deus perderá um adorador. Como declarou Ezequias também em seu cântico de ações de Graças, Isaías 38.17-19:
17 Passei por grande sofrimento para o meu próprio bem. Mas, por amor à minha vida, tu a livraste da cova da corrupção; porque lançaste todos os meus pecados para trás de ti. 18 Pois a sepultura* não pode te louvar, nem a morte te cantar louvores; os que descem à cova não esperam na tua verdade. 19 Os vivos, apenas os vivos, são os que te louvam, como faço hoje; os pais contam a tua verdade aos filhos.

Evidente que Davi estava falando de algo que para ele era o maior prazer, Louvar a Deus. Não que Deus depende de sua adoração, mas que ele vive para adorar ao Senhor. Contudo sabemos hoje, que os que estão em Cristo Jesus, não precisam temer a morte. Mas Davi estava cansado demais, era um grande sofrimento, muito choro (v.6).

Davi chorou tanto que os olhos estão irritados. BJ: Meus olhos “derretem-se de dor”. Sua situação foi agravada por causa dos inimigos (v. 7): “mágoa” ou “irritação”. Muitas vezes, as ações das pessoas doem mais que doença. A dor da mágoa pode nos prejudicar ainda mais. Precisamos saber lidar com a mágoa, pois isso fará toda a diferença em nossas vidas. Lidar com as emoções, nos fará ter equilíbrio na vida, nas atitudes, nas ações, no pensamento ou no falar.

Davi clama por Misericórdia e perdão. Mas ele estava sabendo lidar com o perdão? Parece-me que não. Contudo, como cristãos sabemos que temos que perdoar. Eis uma bela lição: “Podemos e devemos pedir perdão por nossos pecados, mas também devemos perdoar quem nos ofende” (Lc 11.4).

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Nós vimos...
1. O Pedido de Davi (vv. 1-4);
2. O Sentimento de Davi (vv. 5-7);
Ainda falta...

3. A declaração de Davi (vv. 8-10);

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth