terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Por um propósito

Por um propósito

“Por isso mesmo, aqueles que sofrem de acordo com a vontade de Deus devem confiar sua vida ao seu fiel Criador e praticar o bem” (1 Pedro 4.19).

Em sã consciência, ninguém gosta de sofrer, mas mesmo assim, todos nós passamos por isso em algum momento da vida. A questão aqui é: Se o sofrimento que nos aflige é por causa do nome de Cristo, ou por causa de nossas decisões erradas? Se você decide, por exemplo, comprar coisas que não conseguiria honrar e agora está passando por dificuldades financeiras, seria isto por causa do nome de Cristo? Evidente que não. Ou talvez, você agiu mal no seu serviço e está sofrendo cobranças por isso, será que foi por causa de Cristo? Não! O duro é que alguns diriam que sim.

O apóstolo Paulo disse para Timóteo: “De fato, todos os que desejam viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos” (2 Tm 3.12). Isto é sofrer por Cristo, por causa da fidelidade e por querer manter a integridade, a verdade, a honestidade e os princípios e valores ensinados pelo Senhor registrados na Bíblia, a Palavra de Deus.

Mas mesmo quando sofremos por causa dos nossos erros, ou quando sofremos por causa do nome de Cristo e até mesmo quando sofremos por causa de um plano do qual não temos respostas, podemos ter a convicção de que Deus está no controle de tudo e que ELE sempre tem propósitos para a nossa dor. Como no caso de José  que sofreu demais, mas Deus transformou o mal em bem e sofreu para que sua família pudesse ser salva da fome (Gênesis 45.5-7; 50.20).

Em 1 Pedro 5.10 encontramos o seguinte texto: “Ora, o Deus de toda a graça, que em Cristo vos chamou à sua eterna glória, depois de terdes sofrido por um pouco...”
·         Vos APERFEIÇOARÁ, você sairá aperfeiçoado;
·         FIRMARÁ, você estará ainda mais firme;
·         FORTALECERÁ da mesma forma, você estará mais fortalecido;
·         e FUNDAMENTARÁ terá suas bases bem fundamentadas, alicerçadas em Cristo.

Quais são as razões do seu sofrimento?

O objetivo de Deus é chegarmos à maturidade de Cristo. A maturidade que DEUS deseja nos leva a reconhecer nossos erros e a reconheça e analisar as fontes do nosso sofrimento, mas também, nos leva a crer e a confiar no propósito maior de Deus para nossas vidas. Por isso eu concluo que “Diante do Sofrimento, não há melhor resposta do que Confiar em Deus e ter a certeza de que ELE está no controle de Todas as coisas”.


No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth