sexta-feira, 1 de novembro de 2013

A vida é breve

19 Anos: A vida é breve
Pastoral nr 030 - Igreja Batista Central em Toledo

Este mês nossa igreja completará 19 anos. Uma pergunta importante para refletirmos: Como foram vividos esses quase 19 anos? Foram vividos com sabedoria? O fato é que a IBCT passou por muitas coisas, umas boas outras ruins, mas em todas elas podemos dizer que em Cristo “somos mais que vencedores”. Outra pergunta importante: Como serão vividos os próximos anos?

Vivemos a vida como se ela fosse interminável e muitas vezes procrastinamos e achamos que temos todo tempo do mundo, com isso não avançamos na vida cristã e eclesiástica. Muitas vezes também, invertemos os valores, vivemos o passageiro como se fosse eterno. Todavia a vida é muito breve, entre a meninice e a velhice há um pequeno intervalo de tempo. Olhe para sua história! Os anos que você já viveu passaram muito rápido? Essa sensação é só minha? Como viveu cada um desses anos?
 
A grande verdade é que não sabemos nada do amanhã, ele pertence a Deus e a vida é tão breve como os raios de sol que surgem sorrateiramente na mais bela manhã e se despedem sutilmente ao anoitecer sem deixar vestígios. É por isso mesmo que não podemos viver de qualquer maneira. E não podemos nos conformar com a maneira que vivemos, pois por mais que façamos, ainda é pouco, Deus merece sempre o melhor de nós.

Para as pessoas superficiais, a rapidez da vida as estimula a viverem destrutivamente, sem pensar nas consequências dos seus comportamentos. Para os sábios, a brevidade da vida os convida a valorizá-la como um tesouro de estimável valor. Que valor tem a sua vida? Ser sábio não quer dizer ser perfeito, não falhar, não chorar e não ter momentos de fragilidade. Pelo contrário, ser sábio é aprender a usar cada dor como uma oportunidade para aprender lições, cada erro como uma ocasião para corrigir rotas, cada fracasso como uma chance para ter mais coragem.

Nas vitórias, os sábios são amantes da alegria; nas derrotas, são amigos da reflexão.

Que você aprenda a ser um grande sábio! Um sábio que cuida carinhosamente da sua vida como um garimpeiro que descobriu a mais bela pedra preciosa depois de passar a vida toda removendo rochas e cascalhos. Que a nossa Igreja viva a cada dia com sabedoria, prudência e entendimento para alcançar o alvo de seguir e imitar a Cristo.


No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

2 comentários:

  1. Bela mensagem Paulinho, Deus abençoe ricamente sua vida e ministério :)

    ResponderExcluir
  2. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth