terça-feira, 2 de abril de 2013

Os Seguidores de Jesus 02


Os Seguidores de Jesus 02
"Uma igreja frutífera possui verdadeiros seguidores de Jesus"
Série: Discípulos - Texto: Lucas 9.57-62
Mensagem do dia 10/03/2013 (Domingo/Manhã) – Igreja Batista Central em Toledo

Vimos a semana passada sobre o disposto ingênuo. Sobre a consciência que a pessoa deve ter a respeito do preço a pagar por seguir Jesus. Sua disposição deve ser genuína e sem limites, ir de fato para onde Deus mandar e fazer o que Ele quiser. Hoje veremos sobre:

2. O chamado, que não tinha prioridade. Lucas 9.59-60:  59 A outro disse: "Siga-me". Mas o homem respondeu: "Senhor, deixa-me ir primeiro sepultar meu pai". 60 Jesus lhe disse: "Deixe que os mortos sepultem os seus próprios mortos; você, porém, vá e proclame o Reino de Deus".

Ele é convidado por Jesus e quem sabe, ao que parece, foi pego de surpresa. Jesus disse apenas: "Siga-me". Mas o candidato tentou ser "esperto", e acha um jeito de "escapar" sem parecer frouxo. Aparentemente ele "fugiu" do chamado alegando que teria de sepultar primeiro o seu pai. Uma lição: Muitos também fogem da responsabilidade dando desculpas aparentemente boas e louváveis. Todavia, será que convence ao Senhor Jesus?

Naquela época as pessoas eram enterradas no mesmo dia em que faleciam. Vamos pensar: Se o pai do homem houvesse de fato falecido, ele deveria estar no enterro naquela hora e não na estrada vendo Jesus passar. Não faria sentido, ser literal o enterro do pai. Além disso, é mais provável que esta fosse uma expressão idiomática muito usada naquela região nos dias de Jesus e ainda hoje (como na Síria e Iraque), que queria dizer: “Deixe eu cuidar de meu pai que está na velhice. Quando ele falecer eu vou lhe seguir”.

Só que ninguém engana Jesus. Nós não conseguimos enganar Jesus. Podemos até enganar pessoas, Jesus não. Quando dizemos em nosso coração: “preciso primeiro fazer isto ou aquilo”, Jesus responde da mesma forma: “Deixe que os mortos sepultem os seus mortos. Mas você vá e anuncie o Reino de Deus!”. Pessoas que nada tem a ver com Jesus são pessoas espiritualmente mortas. Elas não tem Jesus como prioridade, por isso ficam entre elas, vivem entre elas. Elas podem até viverem assim, mas nós não! Jesus não deve estar em 2º lugar no coração daqueles que se dizem cristão.  Ele é o 1º lugar no coração de um seguidor verdadeiro.

Então, o rapaz estava simplesmente afirmando que sua prioridade era outra, antes de seguir Jesus ele tem obrigações familiares que o ocuparão durante algum tempo. Terminadas estas obrigações, aí quem sabe, poderá seguir Jesus. Pensando nisso, surge uma preocupação: É mais ou menos o argumento comum de muita gente que diz, antes de seguir Jesus, precisa construir a sua casa, quero casar primeiro, quem sabe criar os seus filhos, viver a vida, ganhar dinheiro, conquistar títulos, talvez curtir a vida viajando para determinados lugares, alguns dão a desculpa do trabalho, da faculdade, escola, do tempo... ai quem sabe depois que terminar, cumprir, eliminar, aliviar o tempo... ai quem sabe depois eu sirvo, eu faço, eu participo, eu apoio. Alguns até dizem: Vou orar por isso! Fico pensando como deve ser essa oração. Se é que oram de fato por este motivo.

A Mensagem de Boas Novas é urgente! Neste sentido que Jesus o chama para vir logo segui-Lo. Sem demora! Já! Imediatamente! Muitas pessoas até querem seguir Jesus. Mas não consideram ELE e Suas coisas como prioridade. Não conseguem abrir mão de suas vontades, preferências, atividades pessoais e tantas outras coisas.

Conclusão
A grande reflexão portanto, seria: como discípulos de Jesus, Seguidores Dele, que prioridade damos para ELE e para as Suas coisas, assim como também para o envolvimento com a Sua igreja, não apenas em suas atividades, programações e eventos, mas em sua totalidade no que se refere a missão integral da igreja?

Ser discípulo de Jesus, não é apenas seguir, é doar-se totalmente sem reservas, tendo Cristo como prioridade. Ser discípulo de Jesus, não é seguir e servir de maneira parcial, colocando para Deus condições para servir e seguir. A obediência deve ser total, a responsabilidade cumprida. Jesus não deseja o resto que nós podemos dar, Ele deseja tudo o que temos e que somos. É por isso que Ele nos chama: "Siga-me".

Quais tem sido suas prioridades? Que lugar Jesus e suas coisas ocupam em seu coração? Pensem nisso!

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Clique no link e baixe o slide da mensagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth