domingo, 2 de setembro de 2012

Viva Esperança



Viva Esperança
Mensagem do dia 02/09/2012 (Domingo/Manhã) 
Igreja Batista Central em Toledo

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo! Conforme a sua grande misericórdia, Ele nos regenerou para uma Viva Esperança..." (1Pedro 1.3).

Não é de admirar que Pedro bendiga a Deus. “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo!”. Teríamos muitas razões para louvar e engrandecer o nome de Jesus. Mas há uma razão principal, a regeneração. O Senhor nos elevou uma posição privilegiada, a de seus filhos, salvos por intermédio de sua grande misericórdia.

Ele nos arrancou da condição de mortos em pecados, incapazes de ajudar-nos a nós mesmos e sem esperanças e implantou uma nova vida, de modo que não somos apenas criaturas, mas somos filhos de Deus. “Vós, sim, que, antes, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus, que não tínheis alcançado misericórdia, mas, agora, alcançastes misericórdia” (2.10).

Jesus nos “Regenerou”. A palavra usada é anagennésas “regenerar”, “fazer nascer de novo”. A idéia de um novo começo, mediante um novo nascimento com a infusão da vida divina. Essa idéia de novo ser era muito difundida no mundo antigo, estava presente nas religiões de mistério e também no judaísmo. Um prosélito (alguém que se converte) ao judaísmo era considerado um bebê recém-nascido, assim acontece com o cristianismo, faz-nos lembrar de Nicodemos (João 3).

Fomos regenerados, nascemos novamente e por causa disso temos uma "Viva Esperança", zôsan “Viver”. A palavra viva é uma qualidade ou característica da esperança, com Jesus a esperança não é a última que morre. Ela é viva. Ela nunca se extingue, seja por causa de circunstâncias difíceis que vivemos no dia a dia, seja pelo tempo, nada pode acabar com essa esperança do cristão. É como as “águas vivas” são águas que fluem de uma fonte perene, inesgotável.

A palavra “esperança” elpína. Elpís aparece 3 vezes em 1Pedro: 1.3; 1.21 e 3.15. Existe uma ligação entre os versículos 3 e 4 do capítulo 1. No v. 3 fala-se de uma Viva Esperança adquirida pelo novo nascimento e no v. 4 fala-se de uma Herança Segura. Mas este é um assunto para uma próxima mensagem.

Certa vez fui viajar para ser preletor em um acampamento em Sorocaba-SP, peguei o ônibus em Campinas e sentou-se ao meu lado uma moça, estudante da Unicamp, ela falou praticamente toda a viagem e criticou muito igrejas, religião, pastores etc. Quando chegamos em Sorocaba, eu disse para ela o seguinte: Qual é a sua esperança? E Disse que Jesus me deu uma esperança viva. Ela abaixou a cabeça, chorou e disse: Eu não tenho essa esperança!

Assim como esta jovem, há muitos ainda que não foram regenerados portanto, não tem a Viva Esperança dada por Jesus mediante sua grande misericórdia. E você, qual a tua esperança?

"Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo! Conforme a sua grande misericórdia, Ele nos regenerou para uma Viva Esperança..."

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth


 
Clique no link para baixar o slide da mensagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth