segunda-feira, 16 de julho de 2012

Zebedeu


Zebedeu
"Um homem Muito importante, Muito ocupado e Muito errado"
Mensagem do dia 15/07/2012 (Domingo /noite) - Igreja Batista Central em Toledo

"19 E ele, passando um pouco adiante, viu Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão, que estavam no barco, consertando as redes, 20 e logo os chamou; eles, deixando seu pai Zebedeu no barco com os empregados, o seguiram" (Marcos 1. 19-20)

Introdução
O texto fala do chamado de Tiago e João, filhos de Zebedeu. Mas não é sobre eles que eu quero falar, quero falar sobre Zebedeu, o pai. ELE Muito importante como veremos,  estava Muito ocupado  e  por causa de sua excessiva importância e ocupação acabou tomando uma atitude Muito errada. Os filhos foram seguir o Mestre, ele ficou com o barco, os empregados, as redes e os peixes.

Os filhos foram para uma empreitada incerta, seguir um pregador desconhecido cuja a fama ainda era iniciante, que não tinha a aprovação da sinagoga. Era um itinerante desconhecido. Zebedeu ficou com o seguro, o estável. Mas quem é quem Ganhou?

1. Zebedeu um homem Muito importante
Ele era muito importante para se ocupar com as coisas espirituais, como muita gente hoje em dia. O nome Zebedeu tem um significado muito bonito: "Presente de Deus", este é o sentido do nome. Ele não viu os presentes de Deus em sua vida. Na esposa, nos filhos, nos barcos, nas redes, nos empregados, no fato de que ele era um "microempresário" (usando a linguagem de hoje), a família, a saúde, o trabalho a prosperidade, todas essas coisas eram presentes de Deus. Mas ele não reconheceu.

Uma questão curiosa: Todas as vezes que Tiago e João, são citados juntos nos evangelhos, vem esta menção: "os filhos de Zebedeu". Algumas vezes os nomes nem são citados, Tiago e João, mas apenas a expressão "os filhos de Zebedeu" é usada. Isso quer dizer que ele era muito importante. Ele era bastante conhecido. Ele era tão conhecido que mesmo sendo os filhos seguidores de Jesus, podia ser omitido os seus nomes e ser mencionado apenas "os filhos de Zebedeu".  Até a mulher tornou-se uma discípula de Jesus, mas o nome dela não foi citado, as ocasiões em que ela é mencionada se faz menção assim: "a mulher de Zebedeu".

Curioso. Ele era muito conhecido. Para os seus filhos, a chamada de Jesus tinha significado, mas para ele, barcos e peixes tinham mais valor. Neste sentido, Zebedeu é imitado por muitas pessoas que recebem presentes de Deus , no seu trabalho, na sua família, na sua vida em tudo que Deus lhes traz de benefícios, mas nunca vê as mãos de Deus, veem as Bênçãos de Deus e Não o Deus das Bênçãos, assim, preferem ficar com seus barcos, redes e peixes...

Tem fama, tem bens mas são pessoas muito importantes para tratar das coisas espirituais. Porque para muita gente esse negócio de igreja e de coisas espirituais é para gente alienada. Talvez fosse essa a visão dele: "Deixa os garotos irem, eles vão quebrar a cara e voltar para casa, já estou até imaginando", ou "isso é coisa para gente jovem, não para mim, eu tenho mais o que fazer".

Nunca pense que seus barcos, suas redes e seus peixes são mais importantes que o compromisso com Cristo. Nunca pense que sua vida material, suas amizades e grupos a fim, são mais importantes e são motivos para você não se comprometer com ELE (com JESUS). Assumimos tantos compromissos lá fora, que nos esquecemos do que é essencial.

2. Zebedeu um homem Muito ocupado 
Muito importante para se ocupar de realidades espirituais. E muito ocupado ganhando dinheiro para se ocupar de Jesus e das suas coisas.

Alguém pode dizer: O pastor está partindo de um pressuposto, "Jesus chamou os filhos não a Ele". Vamos devagar: Jesus chamou os filhos, os filhos vão, não chamou a mulher, não chamou a mãe deles, a mulher de Zebedeu. Mas ela viu o comprometimento dos filhos e acabou indo atrás. Quem é que entende o coração de mãe? Talvez ela foi para ver onde que os filhos estavam indo. Mas a família foi alcançada e a mãe viu o impacto que o evangelho teve na vida dos filhos. E foi atrás de Jesus, mesmo sem ser chamada.

Vamos esclarece isso: Tudo mundo é chamado para servir a Jesus. Alguns de uma maneira mais dramática, mais enfática, mais pessoal. Mas não há uma pessoa por quem ELE não tenha interesse. Jesus veio para todos! "Porque a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens" (Tito 2.11).

O ponto é: Zebedeu ficou. Ficou com os barcos, as redes, com os empregados e os peixes. A Palavra de Deus é enfática: "Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam. Mas acumulem para vocês tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam.  Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração" (Mateus 6.19-21)

Onde está o seu coração? Quais são os teus tesouros? Os tesouros de Tiago, João e sua mãe estavam em Jesus. O de Zebedeu, nas suas coisas. A mulher e os filhos foram enriquecidos porque tiveram uma riqueza que ninguém pode tirar. A riqueza que o evangelho trás,  discernimento das coisas que o evangelho nos ensina, a compreensão que o Evangelho trás de Jesus, os horizontes que Jesus nos abre, a vida eterna, o perdão dos pecados, a SALVAÇÃO. Tudo isso são tesouros eternos.

Zebedeu fez a mesma confusão que os materialistas pragmáticos de hoje fazem. Eles vivem em função de coisas. As coisas são mais importantes que as realidades espirituais. Status, bens, poder, ciclo social. E se você acha que sou utópico em achar que as realidades espirituais são mais importantes, eu lhes faço uma pergunta: Zebedeu tinha uma alma, tinha barcos e redes. Os barcos e as redes acabaram a Alma continua, Ele escolheu bem?

Quando é que vamos aprender o que é importante e o que é essencial? Como diz um trecho do hino 255 do cantor cristão:
AMIGO, QUAL É TEU REFÚGIO
E QUAL TEU DESTINO REAL?
POR QUE TRABALHAR POR TESOUROS
QUE TENS DE DEIXAR AFINAL?
OH, CUIDA DO BEM DA TUA ALMA
QUE ETERNA PERMANECERÁ,
E TEM MAIS VALOR QUE ESTE MUNDO.
SÓ CRISTO A SALVAR PODERÁ.  

O ERRO da pessoa muito ocupada em ganhar dinheiro para se ocupar de Jesus e de suas coisas.

3. Zebedeu um homem Muito errado
Muito importante, Muito ocupado  e Muito errado. Errado por não entender que Jesus poderia dar uma nova dimensão a sua vida. Vamos a Mateus 4.18-22: "18 E Jesus, andando ao longo do mar da Galiléia, viu dois irmãos Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, os quais lançavam a rede ao mar, porque eram pescadores. 19 Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.  20 Eles, pois, deixando imediatamente as redes, o seguiram. 21 E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos-Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes; e os chamou. 22 Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no".

É sobre esta palavra de Jesus que quero chamar a atenção: "Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens". Aqueles 4 moços que Jesus chamou (Pedro, André, Tiago e João), iriam escrever a mais fascinante história de todos os tempos. Simples pescadores, colocaram o mundo de cabeça para baixo.  É uma caminhada fulminante, de uma praia, de repente para o mundo. Começaram em Jerusalém, foram à capital do mundo, ROMA.  Paulo disse numa de suas cartas: " Os da casa de César, vos saúdam". Vinte anos depois o Evangelho já tinha fincado suas raízes no império Romano, dentro do Palácio de César e de lá ganharia o mundo. Fantástico isso!

Aquele grupo de pescadores ganhou o mundo e por causa deste grupo de pescadores e outros que se agregaram com o tempo, este homem (JESUS CRISTO) que fez o convite para eles, é adorado no mundo inteiro em todos os cantos. Zebedeu não entendeu isso. Ele poderia ser conhecido como mais um dos discípulos de Jesus, mas é conhecido apenas como o pai de Tiago e João. Ele não enxergou porque os materialista são míopes "espirituais".

Talvez você esteja preocupado com casas, carros, em agradar pessoas importantes, em ser alguém importante. Ter um emprego, uma casa, um carro melhor é BOM! Ter saúde e os problemas resolvidos, tudo isso é muito bom. Tais coisas não são erradas, o problema é o senso de utilidade delas. E Zebedeu morreu, pescando peixes, descamando peixes e vendendo peixes. Um dos seus filhos escreveu o Evangelho João, 3 cartas e o Apocalipse de João. Seus filhos foram suportes do maior movimento da história. A Igreja de Jesus Cristo.

Errado porque não entendeu que Jesus dá uma dimensão maior e melhor à vida. e por isso, ele não conseguiu entender a diferença do que é bom e o que é essencial. ELE ganharia mais sendo servo de Jesus Cristo do que sendo Senhor de pescadores. Zebedeu some da história. Seus filhos tornaram-se Apóstolos. Temos muitos "Tiagos" e "Joões", até o momento, pelo que sei, não existe nenhum Zebedeu aqui.  

O mais fascinante: A mulher dele estava nos pés da cruz.  A mulher dele foi uma das testemunhas da ressurreição. Há dinheiro que pague a honra e os benefícios que a família de Zebedeu recebeu? Não! Os filhos e a mulher ganharam, Zebedeu perdeu.

Qual é a coisa mais importante de sua vida? Barcos, redes e peixes? O que realmente é essencial? Cuidar dessas coisas perecíveis ou das coisas espirituais? Cuidar dos bens ou da alma? Os bens ficarão quando você comparecer diante de Deus.  A única coisa que vai permanecer é o que fez com Ele e para Ele. E o homem Muito importante, Muito ocupado e Muito errado não compreendeu isso. E você o que vai fazer?

Conclusão
Em Eclesiastes 3.11, temos uma declaração extremamente importante, a Noção de eternidade:   "Ele fez tudo apropriado a seu tempo. Também pôs no coração do homem o anseio pela eternidade; mesmo assim este não consegue compreender inteiramente o que Deus fez".  Nós somos os únicos que sabemos que vamos morrer. Contamos o tempo e sabemos que existe algo além de nós.

Citar: Vídeo de um gato tentando reanimar outro que foi atropelado, estava morto, mas ele não sabia.

Nós temos a noção que vamos morrer, temos noção de eternidade, os bichinhos não! O homem Muito importante, Muito ocupado e Muito errado, não sabe discernir o que é essencial do que é importante, Ele troca o que é de Deus pelas coisas terrenas.

Não esteja ocupado demais para Jesus. Saiba que não ter tempo para Deus é viver perdendo tempo. Mateus 6.33: "Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas".  Não se esqueça deste princípio fundamental. Coloque DEUS antes dos  Barcos, das Redes e dos Peixes, aí sua vida terá sentido. Não seja como Zebedeu.

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

Clique no link e baixe o slide da mensagem
Ouça a mensagem:

Um comentário:

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth