sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Habacuque: Expõe seus dilemas para Deus - 02

Habacuque: Expõe seus dilemas para Deus - 02
Mensagem do dia 21/09/2011 (quarta-feira) 
Igreja Batista Aeroporto de Campo Mourão

Série: Orações na Bíblia-04 – Texto Base: Livro de Habacuque


I- Habacuque expõe seus dilemas para Deus questionando o seu Silêncio (Hb 1.1-4)

Vejamos algumas perguntas que podemos levantar referente o grande dilema que assola o mundo e principalmente Habacuque, “o mal”.
  • Por que o mal acontece?
  • Por que o Senhor não ouve quando clamor?
  • Por que os justos são oprimidos?
  • Por que os ímpios prosperam?
Habacuque não conseguia entender o aparente silêncio de Deus perante a terrível situação que em que SEU POVO se encontrava. O povo era humilhado, por isso ele estava preocupado com a nação. Havia violência e destruição, contendas, frouxidão da                                          lei, injustiças e a justiça distorcida. Essa incompreensão de Habacuque o leva a gritar: “Até quando clamarei e não me escutarás, Senhor?”

Nos dias atuais não tem sido muito diferente dos dias de Habacuque. Hoje, há tantos homicídios, vítimas de balas perdidas (principalmente em RJ e SP), violência no trânsito, brigas em família, abandono de crianças, roubos, assaltos muitas das vezes para comprar drogas ou para pagar os traficantes e como a justiça é mal empregada! Há uma justiça para o pobre coitado que rouba uma galinha para ter o que comer (de maneira alguma a pobreza justifica alguém roubar), e há outra justiça para os políticos poderosos que roubam milhões e ficam soltos como se nada tivesse acontecido.

Essas coisas, com toda certeza lhe causa uma profunda indignação. Mas você se preocupa com a violência e com as injustiças no mundo? Você ora pelos líderes mundiais, pelos governantes, pelas autoridades? Ou você acha que sua oração não fará diferença?

1Timóteo 2.1-4: 1Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, 2 em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranqüila e mansa, com toda piedade e respeito. 3 Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador, 4 o qual deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade”.

Habacuque tinha muitas dúvidas assim como nós também temos e podemos agir como ele agiu, com temor e reverencia perguntar para Deus os nossos “porquês”. Davi declarou: “Ergo a minha voz e clamo, com a minha voz suplico ao SENHOR. Derramo perante ele a minha queixa, à sua presença exponho a minha tribulação” (Salmo 142.1-2).

Saiba que Deus ouviu a oração de Habacuque e tenha certeza de que Ele ouve as tuas orações também: Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para não poder ouvir” (Isaías 59.1). Deus sempre ouve as nossas orações. Creia nisso!

No amor de Cristo,

Pr Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth