segunda-feira, 28 de março de 2011

Gratidão



Igreja Batista Vida Nova – 27/03/2011 – culto dirigido pela UniJovem e que também marcou a minha despedida da Igreja. Foi muito emocionante e lindo tudo o que neste culto aconteceu, tenho certeza que o coração de Deus se alegrou, assim como o meu, que está tremendamente grato por todo carinho e amor recebido por todos. Compartilho a mensagem que preguei nesta noite tão especial.

Introdução:

A gratidão é um sentimento nobre. Pois é o reconhecimento pelo beneficio recebido. É um sentimento de amor pelo amor, carinho e cuidado recebido. E com certeza há muitas razões para sentimos GRATIDÃO. Em primeiro lugar, podemos sentir gratidão pela Salvação em Cristo Jesus. Depois, pelos benefícios desta salvação como, por exemplo:

Ganhamos uma nova família, tornamo-nos uma família, irmãos em Cristo. Podemos ter comunhão uns com os outros. Compartilhamos nossos sonhos, temores, nossas vitórias e derrotas. Confessamos nossos pecados. Ajudamo-nos mutuamente, choramos juntos, todavia muito mais rimos e nos alegramos. Temos momentos informais, assim como também momentos de seriedade. Às vezes é necessário uma exortação mais dura. Dura, porém com sabedoria e acima de tudo, com amor. Sim! Porque em todas exortações o objetivo sempre deve ser a restauração da pessoa e nunca humilhação. Por isso é imprescindível usar as palavras certas, no momento certo e da maneira certa. No entanto, nem sempre acertamos não é verdade? Não somos perfeitos! Então acabamos errando com alguém e às vezes alguém conosco. É neste momento que podemos desfrutar de outro momento sublime, o perdão! Porque “Perdoar é abrir mão do seu direito de condenar, perdoar é divino, é agir exatamente como o mestre agiu, é imitá-lo, é ter o mesmo sentimento que houve em seu coração ao nos perdoar”.

Podemos agradecer também pela área material. Por temos alimento dia após dia. Por nossa saúde, apesar de alguns probleminhas vez ou outra, estamos bem. Falando em problemas, porque não agradecermos pelos problemas? Sim. Pelas dificuldades que temos em nosso dia a dia. Devemos enfatizar que nesses momentos podemos provar ainda com mais a ação de Deus em nosso favor e então desfrutarmos do seu cuidado e amor.

São estes motivos e muitos outros que não foram citados, que deixam nosso coração GRATO. Temos motivos de sobra para agradecer. Por isso escolhi um texto bíblico que gosto muito e expressa um pouco do que eu estou sentindo neste momento. E nele iremos refletir.
Filipenses 1.3-11: 3 Dou graças ao meu Deus por tudo que lembro de vós, 4 fazendo sempre, com alegria, súplicas por todos vós, em todas as minhas orações, 5 pela vossa cooperação no evangelho, desde o primeiro dia até agora. 6 Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus. 7 Aliás, é justo que eu assim pense de todos vós, porque vos trago no coração, seja nas minhas algemas [prisões], seja na defesa e confirmação do evangelho, pois todos sois participantes da graça comigo. 8 Pois minha testemunha é Deus, da saudade que tenho de todos vós, na terna misericórdia de Cristo Jesus. 9 E peço isso em oração: que o vosso amor aumente mais e mais em pleno conhecimento e em todo entendimento, 10 para aprovardes as coisas excelentes e serdes sinceros e inculpáveis para o Dia de Cristo, 11 cheios do fruto de justiça, o qual é mediante Jesus Cristo, para a glória e louvor de Deus”.

v. 3“Dou Graças ao meu Deus”. Encontramos aqui Um coração grato; E também A Glória devida – Acima de tudo. Paulo Exalta aquele que derrama sobre nós todas as bênçãos. DEUS.

A RAZÃO: “Todas as vezes que me lembro de vós”. Talvez neste momento, estava passando um filme na mente do apóstolo Paulo, por isso ele está “Se recordando”, “lembrando”, revivendo a sua história com os filipenses. Dizem que “recordar é viver”. E com certeza estarei recordando muitas coisas boas que vivi aqui nesta igreja. Assim como o Apóstolo Paulo se lembrava dos filipenses.

v. 4 – A Gratidão do apóstolo Paulo é Grande. Ele orava pelos filipenses, mas não de qualquer forma, por obrigação ou peso, ele orava com alegria.

v. 5 – Outra Razão: Pela cooperação no evangelho; Desde o 1º dia Paulo foi ajudado de várias formas. Lembrei do texto de 2Co 8.1-5: 1 Também, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus concedida às igrejas da Macedônia;  2 porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade[corações depreendidos dispostos a doar-se] 3 Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários,  4 pedindo-nos, com muitos rogos, a graça de participarem da assistência aos santos. [Desejo de participar] 5 E não somente fizeram como nós esperávamos, mas também deram-se a si mesmos primeiro ao Senhor, depois a nós, pela vontade de Deus”.

Um testemunho lindo. Mencionando a atitude destes irmãos que agiram com generosidade e amor sem igual. Ajudaram irmãos em Cristo que passavam por necessidades, assim como também em toda boa obra mesmo sem ter fartura.  Como aquela viúva que DEU TUDO O QUE TINHA. Eles “deram-se a si mesmos primeiro ao Senhor...”. Um coração generoso é fruto do desprendimento e amor, e da entrega total ao SENHOR, em favor do próximo.

v. 6 – Paulo Sabia que eles tinham um GRANDE potencial, por isso declara:
“Estou plenamente certo de que aquele que começou a boa obra em vós há de completá-la até o Dia de Cristo Jesus”.

Ele sabia que Deus iria continuar a obra que havia iniciado na vida daqueles amados irmãos. Ele sabia que iriam amadurecer ainda mais e crescer na GRAÇA, no CONHECIMENTO e na SABEDORIA de Cristo Jesus. Ele sabia que continuariam dando bons frutos.

v. 7“é justo pensar assim, pois vocês estão em meu coração”. Eles estavam dentro do coração do apóstolo Paulo, que divide, compartilha suas experiências mostrando que eles estavam com ele em todos os momentos. Em prisões; Em defesa e comprovação do evangelho; Todos participaram da graça com ele. Todos foram abençoados através da vida de Paulo. E todos provaram dos resultados do trabalho do apóstolo Paulo. Do avanço do Evangelho por onde ele passou. Assim como Paulo participou da Graça de Deus através da vida daquela igreja.

v. 8 – Paulo continua demonstrando sua afetividade e seu carinho pelos filipenses. Ele estava preso e disse: “Sinto saudades de vocês...”. Sinal de quem passou por sua vida e que deixou boas recordações e  que marcou sua vida.

v. 9 – Paulo tinha um desejo: O amor exceda, cresça. Onde? No conhecimento e discernimento das coisas de Deus. Não parem por ai, que o amor de vocês cresça cada vez mais.

vv. 10-11 – PARA QUE?
10 para aprovardes as coisas excelentes e serdes sinceros e inculpáveis para o Dia de Cristo, 11 cheios do fruto de justiça, o qual é mediante Jesus Cristo, para a glória e louvor de Deus”.

O Desejo do apóstolo Paulo é que: crescendo em amor, eles serão exatamente quem CRISTO deseja que eles sejam. Servos de Deus que reflitam a GRAÇA de Cristo para todas as pessoas. Para que ao olharem suas vidas, as pessoas poderiam ver CRISTO.

É por isso que desejo cantar a música... O MEU QUERER – cantor Paulo Baruk
Finalizando: Muito obrigado por tudo que fizeram por mim, muito obrigado pelas oportunidades que me deram para que Deus trabalhasse em minha vida e fosse [embora ainda precise crescer e amadurecer muito mais] um servo melhor. Me perdoem caso tenha errado com alguém. Orem por mim e em breve nos veremos.

Números 6.24-26: 24 O SENHOR te abençoe e te guarde; 25 o SENHOR faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti;  26 o SENHOR sobre ti levante o rosto e te dê a paz”. Amém!

Encerro com as palavras do apóstolo Paulo: “Somente portai-vos de maneira digna do Evangelho de Cristo, para que, eu indo veja, ou estando ausente, ouça a respeito de vós que permaneceis em um só espírito, lutando com uma só alma pela fé do Evangelho” (Fp 1.27) – [minha palavra é – se eu voltar aqui eu desejo ver e se estiver longe, eu quero saber que vocês permaneceram firmes em Cristo Jesus].

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

Veja algumas fotos:










Muitas coisas fez o Senhor por mim, por isso...

6 comentários:

  1. Ficou muito bom o post!
    Deus te abençoe mto nessa nova fase!
    Um abração!

    ResponderExcluir
  2. Ao nosso querido amigo e amado irmão!

    Gostaria de deixar nossa GRATIDÃO pelo Senhor ter colocado vc em nossas vidas.Que essa amizade seja sempre para edificação! Saiba que vc foi e sempre será especial em nossas vidas! Não importa a distancia vamos amá-lo da mesma forma!
    Grande abraço e que Deus te dê sabedoria nessa nova etapa da sua vida!

    Te amamos muito! Martinha e Buzu

    ResponderExcluir
  3. Créditos fotos: Gisele Berberth!!!
    (((A irmã mais linda do Sr. Paulo Berberth)))

    ResponderExcluir
  4. vc não responde mais e-mails não...
    te mandei um monteeeee....mas, enfim...
    fico mto feliz e ao mesmo tempo triste por vc estar indo embora...
    que Deus continue te abençoando e usando grandemente...Ele tem sempre o melhor pra nós!

    Saudades...

    Beijosss

    ResponderExcluir
  5. Paulinho, você é um gato de qalquer jeito. Eu te amo. Não quero que vá embora... snifff

    ResponderExcluir
  6. Oi pastor Paulo,
    Queria muito estar neste momento tão especial para o senhor. Eu fiquei feliz em ver o quanto voce é amado pelas pessoas e pode ter certeza que é muito amado por mim e minha familia
    beijoss
    Que Deus sempre esteja contigo

    ResponderExcluir

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth