terça-feira, 16 de março de 2010

Nada é Vão

Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo. Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, constantes e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão”. 1 Coríntios 15.57-58

Há uma lei da física chamada AÇÃO E REAÇÃO. De uma forma simples a sua lógica é que toda ação gera uma reação. Podemos aplicar esta lei em nossas vidas também, costumamos dizer que “aquilo que plantamos, também colheremos”. Isso se dá em todas as nossas decisões e ações sejam em palavras, gestos ou atitudes, todas elas vão gerar uma reação positiva ou negativa, não importa, mas sempre vão gerar algo.

Tratando-se da obra de Deus precisamos ter isso em mente de que a palavra não volta vazia. Porque, assim como descem a chuva e a neve dos céus e para lá não tornam, sem que primeiro reguem a terra, e a fecundem, e a façam brotar, para dar semente ao semeador e pão ao que come, assim será a palavra que sair da minha boca: não voltará para mim vazia, mas fará o que me apraz e prosperará naquilo para que a designei”. (Isaías 55.10-11).  E no tempo certo colheremos os frutos se não houvermos desfalecidos (Gl 6.9). Claro que a obra de Deus deve ser feita com dedicação e empenho dando sempre o melhor, pois Deus merece o melhor de nós.

Não podemos achar que o que fazemos é pouco quando damos o nosso melhor. Tudo que realizarmos para a obra do Senhor seja o mais simples que for, terá um resultado. Agora isso não depende de nós, como o apóstolo Paulo disse: Eu plantei, Apolo regou; mas o crescimento veio de Deus” (1 Co 3.6). Temos que cumprir a nossa parte, NADA É VÃO e nunca sabemos exatamente o quanto podemos ser bênçãos para as pessoas exatamente porque estamos nas mãos do Dono da Obra, DEUS.

Fico surpreso e feliz em saber que de alguma forma contribuí para a edificação da vida de alguém, imagino que deve ser assim com você também. Puxa isso é fantástico! No entanto, temos que ter duas coisas em mente: A primeira é nós não somos nada sem Deus, sem ELE nada podemos fazer. Certa vez Agostinho disse: "Sem Deus nada podemos, mas sem nós Deus também não quer". Ele deseja nos usar. A segunda coisa é que Cristo deve ser exaltado sempre como fez João Batista: “É necessário que ELE cresça e eu diminua” (João 3.30).

Amados, “o que fazemos em vida ecoa pela eternidade”. Graças a Deus, que nos dá a vitória por intermédio de nosso Senhor Jesus Cristo. Portanto, meus amados irmãos, sede firmes, constantes e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor, o vosso trabalho não é vão”.

Oração:
“Pai querido, quero ser sempre instrumentos em tuas mãos. Perdoa-me por tantas falhas e muitas vezes pela falta de tato, de dedicação ou empenho e principalmente por esquecer-se muitas vezes que o Senhor é o Dono da obra e não eu. É um privilégio ser um instrumento usado por TI. Fortaleça-me, dá-me de Tua sabedoria e entendimento cada vez mais em nome de Jesus Cristo. Amém”

No amor de Cristo,

Paulo Berberth




3 comentários:

  1. Olá Pastor, isso é uma grande verdade. NADA É VÃO... TUDO TEM UM PROPÓSITO MAIOR DE DEUS.

    A Semente sempre é Lançada e isso que importa

    Beijoss adorei o texto

    ResponderExcluir
  2. Maravilhosooo Sempre tão coerente.
    Obrigada, com certeza foi benção em minha vida

    ResponderExcluir
  3. Paulin,
    É sempre bom ler textos tão abençoados escritos por voce, e muito me reconforta saber q nada é em vão no Senhor.
    Que o Senhor continue te usando com sabedoria para trazer palavras de conforto e fé aos nossos corações.

    Bjs Lú.....

    ResponderExcluir

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth