sábado, 29 de agosto de 2009

A Soberania de Deus

A Soberania de Deus

“Ao Senhor pertencem a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele habitam”(Salmo 24.1)

“Ninguém conhece melhor o produto do que o fabricante”

Deus nos conhece perfeitamente, sabe tudo sobre nós, sabe de nossas qualidades e defeitos. Conhece o intimo do nosso coração. Conhece os nossos temores e medos. Sabe muito bem o que precisamos, o que sonhamos, o que planejamos e desejamos. E como não poderia deixar de ser, sabe o que é bom e ruim para nós, por isso ELE nos dirige, nos orienta a fazermos aquilo que é BOM, PERFEITO E AGRADÁVEL – A tua vontade (Rm 12.2b).

"Pois Tu formaste o meu interior, Tu me teceste no ventre de minha mãe." (Salmo 139.13) "Não foi manufaturado ou produzido em massa, mas tecido. Cada fio da personalidade, carinhosamente entrelaçado. Cada fio de temperamento, deliberadamente selecionado..." (Max Lucado)

O problema é que Cremos e confiamos muito nos “controles” que criamos, ao ponto de nos sentirmos completamente seguros e estáveis dentro deles. Aí vem algum vento um pouco mais forte e tudo se vê abalado. Neste caso o que nos resta é fazer aquilo que já era óbvio desde o inicio. Confiar Em Deus, Buscá-lo e Crer em Tua Ação.

“1Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro? 2 O meu socorro vem do SENHOR, que fez o céu e a terra”. (Salmo 121.1-2)

“Entrega teu caminho ao Senhor; Confia Nele e Ele tudo fará” (Salmo 37.5)
*** Como podemos compreender e confiar na Soberania de Deus?

Vamos pensar em 3 passos importantes para Confiar na soberania de Deus. Não que seja os únicos, mas creio que são importantes.

O 1º Passo Você deve Orar.

E Orar é muito mais que falar com Deus, é reconhecer que precisamos Dele, é reconhecer sua grandeza e desejar ser inteiramente dependente Dele. Afinal, sem Ele nada podemos fazer:

“Eu sou a videira, vós, os ramos. Quem permanece em mim, e eu, nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer”. (João 15.5)

Temos vários exemplos na Bíblia que em vários momentos o que se fez foi orar, seja na tribulação ou na alegria. Gostaria de citar Daniel, José, Neemias, Moisés, Davi, o próprio Jesus, apóstolo Paulo... e muitos outros...

“Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças”. (Filipenses 4.6)

Antes devo orar o resultado desta entrega é a Paz que excede todo o entendimento (Fp 4.7).

*** Você deve orar...

Sua postura ao orar, não pode ser de qualquer forma, mas....

O 2º Passo Você deve Se humilhar diante de Deus.

“6 Humilhai-vos, portanto, sob a poderosa mão de Deus, para que ele, em tempo oportuno, vos exalte, 7 lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”. (1Pedro 5.6-7)

Há uma luta constante para o homem
auto-suficiência X dependência de Deus.

A tendência natural do ser humano é tentar resolver os problemas por si só, mas o próprio Jesus nos deu um maravilhoso convite.

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei”. (Mateus 11.28)

Se humilhe diante do Senhor, Confie NELE não tente resolver os problemas com as tuas próprias forças.

*** Você deve se humilhar diante do Senhor

Orar com a postura correta, ou seja, com humildade...

O 3º Passo Você deve Crer em sua Soberania

Há muitas coisas que não entendemos, simplesmente cremos! Talvez jamais entenderemos.

“Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem”. (Hebreus 11.1)

“6 De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam”.

Não temos que provar nossa fé para ninguém. Gosto muito de pensar em como os ateus tentam argumentar sua crença num deus que não existe. Mas é muito simples “combatê-los”. Simplesmente porque eles criam um deus para dizer que ele não existe e este deus que eles criam, é apenas uma projeção daquilo que pode ser, mas não é, mesmo que fosse, não chegaria a ser. Deus não se define, ele é amor, sim! Só que muito mais... E ele é Paz, sim! Só que muito mais... Ele é Amor e Paz e muito mais. Ou seja, a projeção criada por um ateu, não é nem de perto o DEUS TODO PODEROSO E SOBERANO que criou o próprio ateu. Na verdade eu creio que não existe ateu, porque no seu íntimo ele sabe muito bem que Deus existe, apenas não reconheci isso. E todo orgulhoso para se defender, sabe o que ele faz? Ele Ataca.

Eu creio e ponto final, minha fé basta. Não há argumentos contra isso.

“Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito”. (Romanos 8.28)

“11 Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais. 12 Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. 13 Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração”. (Jeremias 29.11-13)

Está aí, um grande desafio:
*** Será que cremos realmente que tudo coopera pra o nosso bem?
*** Será que cremos realmente que Deus tem um plano muito mais Excelente do que podemos pensar ou imaginar?

Não há outra saída. Crer é a única e mais segura forma de reconhecer a Soberania de Deus.

*** Você deve Crer na Soberania de Deus

1. Orar
2. Se Humilhar
3. Crer

Oração:
“Pai querido, neste momento quero me colocar diante do Senhor, em oração, pois sei que me ouves, e sei que és DEUS, e eu sou teu servo, há muitas coisas que não entendo, mas creio que o Senhor está no controle de todas as coisas. Peço-te que o Senhor abençoe nossas vidas em nome de Jesus Cristo. Amém!”.

No amor de Cristo,

Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth