sábado, 30 de maio de 2009

Fora de Foco

Fora de Foco

“Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas. Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal.” (Mateus 6.33-34)


Em nosso dia à dia, há sempre um motivo a mais para prender nossa atenção e nos preocupar com coisas que não são necessariamente importante nos preocupar. Quando não é comida, roupa ou moradia, nossa preocupação é como preservar ou aumentar o que já temos nessas áreas.

Estes versículos foram os primeiros que eu decorei. Engraçado que na época de minha conversão havia muitos problemas e coisas acumuladas em minha vida para resolver, pois tudo deveria ser mudado e os problemas resolvidos. Estava muito angustiado e compartilhei meus problemas para um amigo e ele me mostrou este texto. Caiu como um alívio, um refrigério e me fez entender que mesmo depois de minha conversão ainda estava buscando as coisas erradas e tentando resolver meus problemas da maneira e no tempo errado. Estava “Fora de Foco”.

E o foco principal resume-se em:
“Preocupar-se apenas com uma coisa, diz o Senhor, com seu relacionamento comigo.”

O Reino de Deus é a presença completa e o domínio total de Jesus em nossas vidas, aqui agora, já vivemos seu reino, por isso devemos buscá-lo em primeiro lugar. Jesus promete que comida, roupa, moradia e tudo mais que precisamos nos “serão acrescentados”. Mas cremos nisso? Se conhecemos Jesus e andamos com Ele, então cremos e confiamos. E se não confiamos, é provavelmente porque não conhecemos Jesus ou, e não estamos andando com Ele, sendo assim estamos “Fora de Foco”.

Eu até cursei uma faculdade (ADM) pensando ser uma coisa boa, mas estava... adivinha? “Fora de Foco”. Pois é, lembro-me que nas aulas eu levava folhetos e chamava um amigo, o Gilson, para evangelizarmos numa praça ao lado da faculdade. Pode???? A aula que mais enforcava era Matemática financeira, ÉÉÉÉCOOO Rss... Bom, não é à toa que fiz até o 2º ano e pulei fora, percebi que não era a vontade de Deus para a minha vida, fui fazer aquilo que de fato entendia que era a vontade de Deus, que é teologia. O que aprendemos, é que podemos estar sinceramente enganados, buscando uma coisa que não é a vontade de Deus para as nossas vidas, isso nos fará você perder tempo. Qual é seu foco? O que Deus tem confirmado na sua vida?

O fato é que Deus nos mostra o que Ele deseja, mas o problema é que nós não estamos sensíveis o suficiente para ouvi-lO e entende-lO. Então colocamos a carroça na frente dos burros, invertemos as coisas, “Fugimos do Fico”, tentamos resolver os “problemas” errados na hora errada e da maneira errada. Nos preocupamos com aquilo que é desnecessário. As coisas de amanhã, deixe para amanhã, você deve resolver as coisas primeiro de hoje, dando um passo de cada vez. Lembrando que a cada passo as coisas de Deus devem estar em primeiro lugar confiando plenamente que o nosso Senhor é suficientemente capaz de nos acrescentar aquilo que é da vontade dele para as nossas vidas e que Ele suprirá as nossas necessidades.

Se você anda ansioso ou preocupado, nenhum produto ou bem lhe trará paz e satisfação duradoura. Apenas uma coisa lhe servirá – volte-se para Jesus, ande com Ele. Busque Jesus e todas as coisas vos serão acrescentadas.

Oração:

“Meu Senhor, obrigado por se revelar a mim. Obrigado por que tenho o privilégio de conhecê-lo e anda contigo. Eu não mereço tamanha graça: o Dono do Universo quer passar o dia todo comigo. Isso é o máximo!!! Que não dedique apenas algumas horas da semana, que o Senhor seja O FOCO principal da minha vida e que a todo momento eu creia que as outras coisas o Senhor já está cuidando. Amém”.


No amor de Cristo,


Paulo Berberth

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz, deixe seu comentário!
No Amor de Cristo,
Pr Paulo Berberth